Prêmio Sebrae Mulher de Negócios anuncia vencedoras nacionais no dia 5 de março

Desde pequena, a empresária Maria Lucia Silveira, que comanda o Atelier Lucinha Silveira, em Cascavel e Foz do Iguaçu, sonhava em ser estilista. Ela viu sua brincadeira de criança, de copiar os modelos dos personagens das histórias em quadrinhos, se transformar em profissão por acaso, quando tinha apenas 17 anos. Na ocasião de sua formatura, Maria Lucia desenhou o modelo do próprio vestido. A jovem surpreendeu o vendedor da loja de tecidos que a convidou para desenhar um modelo para uma cliente. E foi assim que Maria Lucia conquistou o primeiro emprego como estilista e começou a trilhar uma trajetória de sucesso como empresária do ramo da moda.

O destaque no mundo corporativo lhe rendeu o troféu do Prêmio Sebrae Mulher de Negócios na categoria “Pequenos Negócios”. Vencedora da categoria na etapa paranaense do Prêmio, em novembro do ano passado, a empreendedora é uma das convidadas para participar da seletiva da premiação brasileira, que será realizada no próximo dia 5 de março, em Brasília. Para carimbar o passaporte, para a etapa nacional do Prêmio, as histórias de empreendedorismo feminino vencedoras da etapa estadual passam por uma avaliação rigorosa que se baseia nos critérios de excelência de gestão, desenvolvidos em parceria com a Fundação Nacional de Qualidade (FNQ). A produtora rural de Carambeí, Marlene Aparecida Machado Cruz, e a microempreendedora individual de Maringá, Silvia Maria Pereira, também representam o Paraná na etapa nacional, nas categorias “Produtora Rural” e “Microempreendedora Individual”, respectivamente.

Antes de inaugurar a loja que aluga trajes de luxo, Maria Lucia Silveira ainda atuou por vários anos como estilista de outras empresas. A percepção de que as clientes tinham dificuldades para encontrar costureiras capazes de confeccionar seus modelos, estimulou a empresária a investir na própria confecção, especializada em trajes a rigor. Desde o início do negócio, a empreendedora apostou na inovação e encontrou um diferencial. “Em 1995, percebi que não existia prestação de serviços de locação de trajes e que era hora de inovar e implantar mais serviços na empresa. Ao entrar em contato com as questões administrativas, percebi que as dificuldades seriam maiores que imaginava. Busquei assessoria do Sebrae/PR e o Programa Sebrae de Gestão de Qualidade (PSGQ) ampliou a minha visão empresarial”, conta Maria Lucia Silveira.

Em comemoração aos 25 anos da empresa, em 2011, a empreendedora inovou mais uma vez e passou a oferecer um novo conceito de consultoria especializada em trajes de luxo. Novamente, preocupada em melhorar a gestão do negócio, foi procurar o Sebrae/PR para se qualificar. “A capacitação de gestão financeira foi um divisor de águas na minha empresa”, relata Maria Lucia Silveira. E para coroar o bom desempenho, a empreendedora abriu uma filial do Atelier Lucinha Silveira em Foz do Iguaçu, em 2013. Lá, a empresa já ganhou o prêmio Top of Mind como a mais lembrada na área de locação de trajes de luxo. O sonho agora é ampliar ainda mais o negócio. “Pretendemos expandir nossa abrangência a outras regiões do Estado, vislumbrando conquistar a confiança dos paranaenses e nos tornar uma referência em moda noiva e festa até 2017”, afirma.

Foi essa história que conferiu a Lucia Maria Silveira o Prêmio Sebrae Mulher de Negócios, na etapa paranaense. A premiação reconhece histórias de empreendedorismo feminino que são marcadas pela superação e vontade de vencer. “Os depoimentos das empresárias mostram que mesmo diante dos obstáculos, das dificuldades de conciliar o papel de mãe e empresária, as mulheres conseguem se destacar nos negócios”, avalia a consultora do Sebrae/PR, Kelen Fagundes Gaffuri, gestora do Prêmio Mulher Sebrae de Negócios na região oeste do Paraná.

Em 2014, a premiação registrou a inscrição de 951 mulheres empreendedoras, que contaram suas histórias. As inscrições para a edição de 2015 do Prêmio Sebrae Mulher de Negócios serão abertas em três categorias: Pequenos Negócios, Produtora Rural e Microempreendedora individual. Começam na primeira semana de março e seguem até o final de julho.

Sobre o Sebrae/PR

Para quem já é ou quer ser empresário, o Sebrae/PR – Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Paraná é a melhor opção para obter informações e conhecimento. Criado na década de 1970, o Sebrae apoia as decisões dos empresários, dos potenciais empresários e dos potenciais empreendedores, no campo e na cidade, porque é a instituição que entende de pequenos negócios e possui a maior rede de atendimento do País. No Paraná, conta com seis regionais e 12 escritórios. A instituição chega aos 399 municípios por meio de Pontos de Atendimento ao Empreendedor, Salas do Empreendedor e parceiros locais, como associações, sindicatos, cooperativas, órgãos públicos e privados. O Sebrae/PR oferece palestras, orientações, capacitações, treinamentos, projetos, programas e soluções, com foco em empreendedorismo e gestão; empresas de alto potencial e potencialização; educação empreendedora; startups; liderança; e ambiente de negócios.

fonte: Savannah

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.