Curitiba recebe o espetáculo "Beija-me como nos livros"

Ah, o amor! As questões e traições de dois casais contemporâneos alternam-se em cenas de mitos amorosos como “Tristão e Isolda”, “Romeu e Julieta”, “Dom Juan” e “Werther”, evidenciando o fato de que o modo de amar pode ser uma construção cultural e repetição de padrões pré-estabelecidos. Esta é a sinopse do espetáculo “Beija-me como nos livros”, que a companhia de teatro Os Dezequilibrados traz a Curitiba, nos dias 5, 6 e 7 de outubro, às 21h, no Teatro Barracão EnCena. Com direção e dramaturgia do premiado diretor Ivan Sugahara, o elenco conta com os atores convidados Julio Adrião e Cláudia Mele e com os integrantes da cia, Ângela Câmara e José Karini. Com o patrocínio de três anos da Petrobras para a pesquisa e a criação de um espetáculo inédito, a companhia Os Dezequilibrados está percorrendo 22 cidades brasileiras com este projeto.
Segundo o diretor do espetáculo, Ivan Sugahara, “Beija-me como nos livros” tem como premissa pensar o amor não como algo biológico e inerente à natureza humana, conforme costuma ser visto, mas como mais uma invenção do ser humano, sujeita a constantes alterações ao sabor das mudanças na política, na religião e na economia. “É fato que a relação afetiva entre duas pessoas se modificou profundamente através dos séculos, até se estabelecer como a entendemos e praticamos nos dias de hoje”, diz.
Língua GromelôPara estruturar a peça, a companhia pesquisou uma linguagem cênica criativa (gromelô – língua inventada), amparada na expressividade corporal e vocal. Selecionou quatro mitos amorosos que, em alguma medida, representam a forma de amar praticada em cada um dos quatro momentos históricos abordados e também os locais em que essas épocas foram mais expressivas: “Tristão e Isolda”, simbolizando o período medieval inglês, “Romeu e Julieta”, o renascimento italiano, “Dom Juan”, o iluminismo francês, e “Werther”, o romantismo alemão. Acompanhe notícias e novidades da cia e do espetáculo pelowww.facebook.com/osdezequilibrados
Serviço:“Beija-me como nos livros”
Nos dias 5, 6 e 7 de outubro, às 21h
Local: Teatro Barracão EnCena (Rua Treze de Maio, 160 – Centro, próximo ao Teatro Guaíra)
Entrada: R$ 30,00 (inteira) e R$ 15,00 (meia-entrada)
Duração: 75min
Classificação indicativa: não recomendado para menores de 14 anos
Desconto de 50% (cinquenta por cento) na compra de até 2 (dois) ingressos para a força de trabalho da Petrobras, com crachá, e para clientes do Cartão Petrobras, com o cartão.
Apoio regional:
 Amil Agência de Cultura.
OS DEZEQUILIBRADOSDirigida por Ivan Sugahara, a cia. Os Dezequilibrados foi fundada, no Rio de janeiro, em 1996 e desde então realizou 19 espetáculos. Em 2014, a companhia completou 18 anos. Para comemorar, planejou a montagem de uma trilogia sobre o amor. A primeira peça foi “Amores”, de Domingos Oliveira, que estreou em março de 2014, ficando três meses em temporada na Sede das Cias. Em junho, do mesmo ano, a companhia começou a apresentar a sua versão itinerante de “Fala comigo como a chuva e me deixa ouvir”, de Tennessee Williams, que ficou quatro meses em cartaz na Casa da Glória, conquistando os prêmios Cesgranrio de Melhor Espetáculo e Melhor Iluminação. Ambas as montagens tiveram sucesso de público e crítica. Em 2013, Os Dezequilibrados foram contemplados pelo programa de manutenção de grupos teatrais da Petrobras pelo período de três anos, incluindo a manutenção da Sede das Cias, localizada na Escadaria Selarón, na Lapa, administrada pelo grupo em conjunto com Tárik Puggina, da Nevaxca Produções, e que conta mais duas companhias residentes: a Cia. dos Atores e a Pangeiacia.deteatro. Com o patrocínio da Petrobras para pesquisa e criação de um espetáculo inédito, a companhia Os Dezequilibrados encerra a trilogia com “Beija-me como nos livros”, com direção e dramaturgia de Ivan Sugahara. O espetáculo está percorrendo 22 cidades brasileiras de setembro a novembro, após temporada de dois meses no Centro Cultural Banco do Brasil Rio de Janeiro (CCBB – RJ).
FICHA TÉCNICA: “Beija-me como nos livros”
Direção e Dramaturgia: Ivan Sugahara
Elenco: Ângela Câmara, Claudia Mele, José Karini e Julio Adrião
Assistência de Direção: Lívia Paiva
Direção de Movimento e Preparação Corporal: Duda Maia
Direção Vocal e Pesquisa Fonética: Ricardo Góes
Dramaturgismo: Juliana Pamplona
Criação Dramatúrgica: Ângela Câmara, Claudia Mele, Ivan Sugahara, José Karini, Julio Adrião e Lívia Paiva
Cenário: André Sanches
Iluminação: Renato Machado
Figurino: Bruno Perlatto
Trilha Sonora: Ivan Sugahara
Programação Visual: Luciano Cian
Fotografia: Dalton Valério
Coordenação de Produção: Tárik Puggina
Direção de Produção: Carla Torrez Azevedo
Produção Executiva: Aline Mohamad e Marcelo Chaffim
Administração Financeira: Amanda Cezarina
Realização: Os Dezequilibrados e Nevaxca Produções
 <nane@nanepereira.com>
Espetáculo “Beija-me como nos livros”. 
Foto: Dalton Valério 

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.