Entidades se manifestam contra as medidas fiscais anunciadas pelos governos federal e estadual

 Lideradas pela OAB Paraná, as entidades paranaenses do setor produtivo, de prestação de serviços e instituições de classe lançam nesta sexta-feira, dia 18 de setembro, o Movimento “Menos tributos, mais respeito”.Na ocasião, diretoria e representantes da área técnica tributária das 17 instituições participantes irão explicar os motivos da preocupação com as medidas fiscais anunciadas pelos governos Federal e Estadual, marcadas especialmente pelo aumento da carga tributária, sem a necessária redução dos gastos públicos, em especial a volta da CPMF, a desestruturação do sistema “S”, e no plano estadual o Projeto de Lei 662/2015.
            O lançamento ocorre um dia após a entrega do documento “Manifesto aos Governantes” ao secretário geral da Assembleia Legislativa do Paraná, deputado Plauto Miró Guimarães Filho, manifestando a preocupação das entidades com o pacote fiscal anunciado.
Entidades participantes:
OAB Paraná, Instituto dos Advogados do Paraná (IAPPR), Federação das Indústrias do Estado do Paraná (FIEP), Federação das Empresas de Transporte de Cargas do Estado do Paraná (Fetranspar), Federação do Comércio do Paraná (Fecomércio-PR), Federação das Associação Comerciais e Empresariais do Estado do Paraná (FACIAP), Associação Comercial do Paraná (ACP), Federação da Agricultura do Estado do Paraná (FAEP), Sindicato e Organização das Cooperativas do Estado do Paraná (OCEPAR), Sindicato da Indústria da Construção Civil no Estado do Paraná (Sinduscon-PR), Conselho Regional de Corretores de Imóveis (CRECI), Conselho Regional de Contabilidade (CRC), Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis e Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas (SESCAP),  União Geral dos Trabalhadores (UGT), Federação dos Trabalhadores na Indústria do Estado do Paraná, Instituto Democracia e Liberdade e Movimento Pró-Paraná.  
Confira o documento:
Manifesto aos Governantes
            As entidades do setor produtivo, de prestação de serviços e instituições de classe, reunidas nesta data, vêm a público manifestar grave preocupação com as medidas fiscais anunciadas pelos Governos Federal e Estadual, marcadas especialmente pelo aumento da carga tributária, sacrificando ainda mais a população e o setor produtivo, sem a necessária redução dos gastos públicos.
            Manifestam-se veementemente contrárias à volta da CPMF, à desestruturação do sistema “S”, e, no plano estadual, condenam integralmente o abusivo PL 662/2015, especialmente no que tange à elevação do ITCMD, cuja gravidade é incompatível com a tramitação em regime de urgência, devendo ser rejeitado pela Assembleia Legislativa, por caracterizar-se contrário aos interesses da população.
Data: sexta-feira, 18 de setembro de 2015, às 8h30
Local: OAB Paraná – Rua Brasilino Moura, 253 – Ahú
(aline@iemecomunicacao.com.br)

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.