Curso Luiz Carlos cria site com aulas grátis para a 1.ª fase do Exame de Ordem

Os candidatos à 1.ª fase do Exame de Ordem já podem estudar totalmente de graça. O Curso Luiz Carlos, de Curitiba, coloca à disposição dos interessados um site com aulas de todas as disciplinas exigidas no edital do exame.
O site ainda está numa versão beta, ou seja, de testes, e o conteúdo tem sido inserido aos poucos. “Em pouco tempo tudo está lá, liberado para os candidatos”, explica o diretor do curso, Henrique Arns.
Ele ressalta que a ideia de disponibilizar o site desde agora tem dois objetivos: primeiro, o de possibilitar aos estudantes mais tempo para assistirem às aulas, e o segundo, já que é uma versão de testes, possam contribuir com sugestões de alterações.
Ao contrário de outros sites, a versão grátis do Luiz Carlos não exige nenhum tipo de cadastro, nem registro de e-mail. “A versão definitiva deve estar pronta em meados de novembro”, acentua Arns, ressaltando que o site terá cerca de 60 horas de aulas com os mesmos professores do curso.
O aluno poderá assistir a mesma aula quantas vezes quiser. “Isso permitirá que tire todas as dúvidas que porventura tenha”, destaca o diretor.
Ao entrar no endereço www.gratis.luizcarlos.com.br o candidato visualizará um grande banner, que indicará o conteúdo. É só clicar para assistir às aulas.
Na mesma tela inicial o internauta também tem à disposição as notícias do blog do curso, com uma série de novidades sobre o Exame de Ordem e outros cursos e também informações de concursos públicos. Se tiver interesse, pode se cadastrar no blog para receber, a partir de novembro, as notícias do curso semanalmente. Na tela inicial também o estudante poderá interagir por meio das redes sociais.
Henrique Arns ressalta que hoje o índice de aprovação na 1.ª fase do Exame de Ordem ainda é muito baixo. No último exame, o XVII, estavam inscritos, em todo o Brasil, 133.390 candidatos. Desses, 55.130 foram aprovados e 78.260 reprovados.
A OAB anulou duas das 80 questões, o que beneficiou outros 5.442 candidatos, elevando o número de aprovados para 69.588, já incluídos os 9.016 vindos da repescagem do exame anterior. “São números que impressionam e mostram que é preciso elevar o índice de aprovados nessa 1.ª fase. Isso será possível com uma melhor preparação para a prova. Então queremos, com o site grátis, contribuir para isso”, observa Arns.
helio@nota10.com.br

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.