Gravidez sem preocupações: exames do pré-natal são essenciais

Enjôo, cansaço, sonolência e variações de humor são alguns dos sintomas que podem indicar que a mulher está gerando uma nova vida. A partir do resultado positivo de um exame de sangue, dá-se início a uma maratona de outros testes para garantir a saúde da nova gestante e de seu bebê. “A rotina de exames de uma mulher grávida é extensa. Já nas primeiras consultas, o médico indica uma lista que vai desde a ultrassonografia até testes de urina, passando por hemogramas completos, tipagem sanguínea e exames de glicemia”, explica Marcos Kozlowski, bioquímico e responsável técnico do LANAC – Laboratório de Análises Clínicas.
           
            Assim como manter uma dieta adequada, adotar hábitos saudáveis e ter o acompanhamento de um obstetra, tais  exames são essenciais a fim de monitorar a saúde da mãe e o desenvolvimento do bebê. Além disso, eles também proporcionam mais tranquilidade para os pais durante os nove meses de gestação. “Por meio destes testes é possível identificar qualquer problema, como as malformações, e assim a família e o médico conseguem se preparar e programar medidas e tratamentos que podem mudar o futuro do bebê”, afirma o bioquímico.
            Os exames genéticos, que têm se tornado cada vez mais comuns, conseguem rastrear – de forma não invasiva – problemas genéticos no feto que podem estar relacionados à doenças como Síndrome de Down, Síndrome de Turner ou de Klinefelter. “Eles podem ser realizados a partir do terceiro mês de gestação e permitem, com uma simples coleta do sangue da mãe, a análise da estrutura dos cromossomos, o que resulta em uma estimativa de risco fetal para tais doenças”. Estes testes são indicados quando a gestante possui mais de 35 anos, o ultrassom apresentou qualquer anormalidade ou quando há histórico de doença genética na família.
Sobre o LANAC
Há 22 anos, o LANAC – Laboratórios de Análises Clínicas se diferencia por se manter, com orgulho, como empresa 100% paranaense. Hoje, o laboratório oferece mais de dois mil tipos de exames, além de coleta domiciliar e assessoria científica para médicos e conta com mais de 280 colaboradores. Recebe exames de 25 laboratórios, atuando como laboratório de apoio. A sede central, com 1.200 m², é o maior centro de análises clínicas de Curitiba. Além da sede central, o LANAC mantém outros trinta postos de coleta na cidade. A empresa participa de testes de proficiência do Controle Nacional de Qualidade da Sociedade Brasileira de Análises Clínicas, com nota excelente desde 1992 e mantêm a certificação ISO 9001/2008 atualizada desde 2004.
aline@iemecomunicacao.com.br

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.