PALESTRA NA FNAC DISCUTE AS TRADUÇÕES DE “ULYSSES” DE JAMES JOYCE

Um dos maiores livros da literatura mundial, “Ulysses” de
James Joyce intriga leitores e tradutores desde sua publicação, em 1922. Nesta
terça-feira (20/10) na Fnac Curitiba, às 19h30, o escritor, jornalista e
advogado Ernani Buchmann comenta sobre a dificuldade de tradução para a obra,
que apresenta muito uso de linguagem coloquial irlandesa, neologismos e
justaposição de palavras. O evento tem entrada gratuita.

A obra, ainda
que admirada, possui estas dificuldades em ser traduzida para outras línguas. No
Brasil, constam apenas três traduções, sendo a mais recente de 2012. O tradutor
Caetano Galindo levou dez anos para completar o trabalho. A primeira tradução
chinesa, por exemplo, é de 2011. Recentemente, o livro vem ganhando suas
adaptações em russo, hebraico e grego. “Como Joyce falava dez línguas, algumas
das primeiras traduções chegaram a ter revisões do próprio Joyce”, conta
Buchmann, que tem uma coleção com 25 edições de “Ulysses” nas mais variadas
línguas. Detalhes e histórias curiosas sobre as traduções do livro serão
explicados por Buchmann na Fnac.

PALESTRA: TRADUÇÕES DE “ULYSSES” NA
FNAC CURITIBA
Data: terça-feira, 20 de outubro
Horário: a partir das
19h30
Entrada Franca
Endereço: Park Shopping Barigüi – Rua Prof. Pedro
Viriato Parigotde Souza, 600 – Ecoville
www.agendafnac.com.br

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.