Tendências 2016: Novas tecnologias e marco regulatório movimentam setor de transporte de passageiros

O segundo painel promovido no evento “Tendências 2016”, realizado neste dia 20 de outubro na Casa do Cliente Volvo, teve como convidados o advogado Ricardo Barretto de Andrade, o diretor de segmentos da TOTVS, Gustavo Bastos, o diretor-tesoureiro da Fepasc, Thadeu Castello Branco e Silva, o CEO da Fleety, André Marim, e a Country Champion do Curitiba GBG Google, Erica Marques.

As discussões geraram em torno das novas tecnologias e o marco regulatório do setor. Para Barretto, é necessário avançar e estimular a inovação para agregar serviços à população – sem criar concorrência desleal com o que já existe. Além disso, o transporte de passageiros é um serviço público, que precisa respeitar as regulações do estado.

Erica Marques enfatizou a tecnologia mobile e a facilidade de integração entre desktop e celulares. A ferramenta Google Maps auxilia em rotas, horários e valor da tarifa. “O intuito é facilitar a vida das empresas e dos usuários. São inúmeros recursos para cumprir esse importante papel”, destacou.

Durante o painel, os debatedores apontaram um grande desnível entre áreas complementares. “As estradas e rodoviárias não conseguem acompanhar a evolução dos ônibus. O avião ‘tomou conta’ do nosso passageiro. O transporte coletivo precisa ter conforto em um trajeto com o menor tempo, para isso é necessário melhorar ruas, estradas e tráfego. São variáveis que impactam diretamente o segmento e que precisam de melhorias por parte do poder público”, afirmou Thadeu. 

Para Bastos, é necessário atrair os usuários oferecendo novos recursos nos diferentes modais. “As pessoas estão mudando e a necessidade delas também. A tecnologia está aí para ajudar as empresas a acompanhar essa evolução”, argumentou o executivo da TOTVS, que é líder no desenvolvimento de softwares de gestão empresarial na América Latina.

Além disso, os meios de transporte também precisam continuar se atualizando. “O movimento pendular na cidade diminui cada vez mais porque a vida das pessoas está com horários mais flexíveis. Por isso, a integração de modais é uma tendência cada vez mais forte”, ressaltou Marim.

Tendências 2016
O objetivo do evento, que contou com a participação do ex-ministro da Fazenda, Mailson da Nóbrega, e executivos do setor de transportes, foi debater o atual momento econômico e político do Brasil e o futuro dos negócios. Durante todo o dia, foram discutidos diversos temas com os mais de 100 participantes – entre eles empresários do setor de transportes e autoridades.
Além disso, o encontro apresentou novos horizontes e uma previsão do cenário econômico do próximo ano, mostrando alternativas de financiamentos e custeios dos transportes públicos. 

A Fepasc
A união de 10 sindicatos patronais forma a Federação das Empresas de Transporte de Passageiros dos Estados do Paraná e Santa Catarina, a Fepasc. Representando aproximadamente cem empresas de transporte, a Fepasc abrange vários segmentos: rodoviário urbano, metropolitano, intermunicipal, interestadual e de fretamento e turismo. Por representar um número expressivo de empresas, a Fepasc possui uma cadeira no Conselho de Representantes da Confederação Nacional do Transporte, com isso as demandas do Paraná e de Santa Catarina são expostas e representadas em âmbito nacional. Atualmente a Fepasc é Presidida por Felipe Busnardo Gulin, que assumiu em janeiro de 2015.

centralpress@presskit.com.br

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.