Últimas

BR-277 receberá 60 mil veículos no fim de semana

Com temperaturas altas previstas para este fim de semana, entre os dias 20 e 22 de novembro, a concessionária Ecovia, administradora da BR-277 sentido Litoral, prevê 60 mil a partir de hoje. Tráfego poderá alcançar 2 mil veículos/hora no domingo (22), representando 4 vezes acima do normal.

Para quem vai sentido Litoral, deve se programar para evitar horários de picos compreendidos entre 18h e 20h da sexta-feira (20), quando mil veículos devem seguir rumo Litoral entre 19h e 20h. No sábado (21),o tráfego deve ser alto a partir das 9h.

No retorno pela BR-277, com o horário de verão, a previsão é de que o movimento comece a ficar alto a partir das 16h, devendo alcançar 2 mil veículos por hora, entre 19h e 20h.

Para quem está viajando e quer ficar atualizado com informações da rodovia, pode seguir @ecovia no Twitter, além do telefone 0800 410 277 que funciona 24h por dia, ininterruptamente.

Sobre a Ecovia – A Ecovia é uma empresa do GrupoEcoRodovais. No Paraná é responsável pela operação e manutenção da BR-277 – rodovia de grande importância comercial e turística na Região Sul, por ligar Curitiba ao Porto de Paranaguá, numa extensão de 84 quilômetros em pista dupla, além dos segmentos rodoviários PR-508 (Alexandra-Matinhos), e PR-407 (Pontal do Paraná). A empresa também presta manutenção nas rodovias de oferta que ligam a BR-277 às cidades de Morretes e Antonina. A Ecovia oferece ainda os Serviços de Atendimento ao Usuário (SAU) nos km 35 e 11 (sentido Paranaguá) e km 61,2 (sentido Curitiba) onde há banheiro, fraldário, café, água e telefone público.

Sobre o Grupo Ecorodovias – Ecorodovias é um dos maiores grupos de infraestrutura e logística intermodal do Brasil. Conta com sete concessões rodoviárias nas regiões Sul e Sudeste, somando mais de 1.900 quilômetros de rodovias por onde passam 120 milhões de veículos por ano, representando 52,8% do fluxo de passageiros e turistas, e 48% de toda a carga nacional movimentada no país.

nqm

15362120112015_6829

Escreva um comentário

Seu e-mail não será divulgado


*