Concerto em Ri Maior celebra uma década

Provocando risos por onde passa, a Cia dos Palhaços apresenta nesta semana em Curitiba sua comédia musical“Concerto em Ri Maior” encenado pelos atores Eliezer Vander Brock e Felipe Ternes. Com realização da Prime, o espetáculo retorna neste domingo, dia 22 de novembro, ao palco do  Teatro Guaíra (R: Conselheiro Laurindo, s/n) às19horas para celebrar seus 10 anos. Antes, Ricardo Thomé, o Palhaço Fidalgo e Aires Coutinho fazem o pocket-show de abertura pela iniciativa do Projeto Prime Cultural, que tem como proposta valorizar os artistas locais e regionais com trabalhos autorais e produções próprias.

A peça é apresentada por dois dos palhaços mais queridos do Paraná – Wilson Chevchenco e Sarrafo. O primeiro é um músico e maestro russo que não fala nenhuma palavra em português. O outro é o seu fiel amigo e tradutor, um palhaço que adora dançar e fazer malabarismo, além de traduzir para o público tudo o que o maestro diz. No Concerto em Ri Maior, os artistas utilizam diversos instrumentos musicais, como violão, acordeon, piano e castanholas. Além disso, a dupla conta também com a participação de um coral muito especial: a plateia, principal ingrediente desse grande espetáculo para toda família, onde eles resgatam o prazer de se divertir com brincadeiras puras e simples em meio à magia da comédia musical.

A Cia dos Palhaços é um grupo de circo-teatro-música focada na Arte do Palhaço, do circo, da comicidade, da música e da improvisação. Seus espetáculos possuem temas bem distintos, que vão desde a comédia musical até adaptações de obras clássicas, como o Pequeno Manual do Cavaleiro Andante (Dom Quixote de La Mancha) ou Entretantos Contratempos (Molière).

Desde 2011, a trupe realiza a “Mostra Seu Nariz” – Festival Internacional de Palhaços, que traz para Curitiba grandes nomes da arte do palhaço. Em 2013 recebeu o Prêmio Gralha Azul como Destaque do Ano, e em 2014, novamente recebeu 3 Prêmios Gralha Azul (Melhor Cenário, Sonoplastia e Ator). Desde 2011 seus artistas fazem parte do casting do Cirque du Soleil.

O seu repertório conta com o espetáculo Concerto em Ri Maior – uma comédia musical, que este ano completa 10 anos em cartaz pelo mundo. A missão da Cia dos Palhaços é promover a felicidade através da Arte do Palhaço com profissionalismo, qualidade técnica e excelência artística.

Os ingressos estão disponíveis e variam de R$31,00 (meia-entrada) a R$96,00 (inteira), de acordo com o setor. Plateia –R$96,00 (inteira) e R$51,00 (meia-entrada)/ 1º Balcão – R$76,00 (inteira) e R$41,00 (meia-entrada)/  2º Balcão – R$56,00 (inteira) e R$31,00 (meia-entrada). A meia-entrada é para estudantes, maiores de 60 anos, professores, doadores de sangue e portadores de necessidades especiais (PNE). Portadores do cartão fidelidade Disk Ingressos possuem 20% na compra de até dois bilhetes por titular.  ***Valores sujeitos a alteração sem aviso prévio. Promoções não cumulativas com descontos previstos por Lei. ****Já está incluso o valor de R$6,00 de acréscimo por bilhete referente à taxa de administração Disk Ingressos. Os ingressos podem ser adquiridos através do Disk Ingressos (Loja Palladium – de segunda a sexta, das 11hs às 23hs, aos sábados, das 10 às 22 horas, e aos domingos, das 14 às 20hs, – e quiosques instalados nos shoppings Mueller e Estação – de segunda a sábado, das 10hs às 22hs, e aos domingos, das 14hs às 20hs)Call-center Disk Ingressos (41) 33150808 (de segunda a sexta, das 9h às 22hs, e aos domingos, das 9 às 18hs), na bilheteria do teatro Guaira (de terça a sábado, das 12 às 21 horas). É obrigatória a apresentação de documento previsto em lei que comprove a condição do beneficiário na compra do ingresso e na entrada do teatro.


Mais sobre Ricardo Thomé Oliari, Palhaço Fidalgo e Aires Coutinho
Três artistas independentes que levam alegria ao público. Ricardo Thomé vem pesquisando os elementos circenses há mais de 10 anos. No currículo estão a criação de cinco espetáculos, oito números solos e 2 duos, além de vários prêmios e participações em diversos eventos do gênero, como a Convenção brasileira de malabarismo e circo. Já, o Palhaço Fidalgoestuda a linguagem do palhaço há seis anos. Participou da oficina Levando o Riso a Sério com Rafael Barreiros, Clown no Hospital com Carlos Moreira, Manual e Guia do Palhaço de Rua com Chacovachi, Curso de Palhaço com Pepe Nuñes, Oficina “O Jogo como Técnica” com João Carlos Artigos. Para fechar a trinca, Aires Coutinho através de suas peripécias desafia o público com experimentações inusitadas, malabaristicas e destemidas. Uma apresentação solo de Diabolo de um malabarista que esta sempre com a corda no pescoço.

 

Sobre o Projeto Prime Cultural
Com total pioneirismo, a iniciativa tem a proposta de valorizar os artistas locais e regionais com trabalhos autorais e produções próprias. Assim, a produtora curitibana Prime lança seu Projeto Prime Cultural, uma oportunidade aos grupos locais de mostrarem o calor paranaense que se encontra na arte.

O projeto é uma iniciativa inédita no cenário artístico e exclusiva da Prime, sem fins lucrativos, com o intuito de divulgar e gerar a movimentação artística e dinâmica da cena paranaense. No início será focada a música, mas no futuro outras formas de arte e cultura serão incluídas. O Projeto Prime Cultural visa dar oportunidade única para os artistas mostrarem seu potencial criativo a grandes plateias.

Além de toda a divulgação do artista no evento, seu diferencial é oferecer também boa estrutura de palco, equipamentos de som, luz, backstage e, claro, a presença significativa de público. Para isso, os shows/espetáculos que a Prime vier a realizar no Paraná deverá ter a participação de um artista local. As bandas serão selecionadas conforme a produção e a atuação delas. Cabe ao projeto então reuni-las, viabilizar os shows e realizar a divulgação do evento. “As bandas que participarem do Projeto Prime Cultural terão a mesma atenção que os artistas de renome nacional com os quais dividirão o palco”, afirma Mac Lóvio Solek, idealizador do projeto e diretor da Prime. “Aproveitando o prestígio dos artistas nacionais que se apresentam em Curitiba e em outras cidades do Paraná e Santa Catarina pela Prime, vamos proporcionar aos artistas locais/regionais uma boa formação de plateia para conhecer e divulgar seus projetos. Além disso, o público poderá vivenciar a diversidade cultural popular do Paraná”, completa.

Neste primeiro momento, a produtora está convidando projetos já conhecidos, com referência e que fazem parte da cena local. Os artistas interessados em se apresentar pelo Projeto Prime Cultural podem encaminhar seu material de trabalho e currículo para o email projetoprimecultural@maisumadaprime.com.br. O material deverá conter um breve release da banda, vídeos, músicas autorais, fotos, set list e logomarca do artista/grupo. Os trabalhos serão escolhidos por meio de carta convite e de acordo com a afinidade musical com o público do artista principal. Será avaliada a apresentação do trabalho e comprometimento do grupo.

As apresentações de abertura do show principal serão em formato de pocket-show e deverão conter músicas autorais e alguns covers. A duração será de até 40 minutos.

 

“O Projeto Prime Cultural é, sem dúvida, o primeiro projeto que vai fazer uma ponte direta entre as bandas locais passando a ter acesso com os artistas nacionais e, na medida do possível, vamos tentar promover uma interação cada vez maior”, finaliza o diretor da produtora curitibana.

 

Ficha Técnica:

Texto: Eliezer Vander Brock e Felipe Ternes. Direção Artística: Felipe Ternes. Direção Musical: Eliezer Vander BrockElenco: Eliezer Vander Brock e Felipe Ternes. Iluminação: Anry Aider Sonoplastia: Roberto Carli Junior Duração: 1h10min

 

SERVIÇO:
CONCERTO EM RI MAIOR – 10 ANOS
Abertura:
Ricardo Thomé, o Palhaço Fidalgo e Aires Coutinho
Quando: 22 de novembro de 2015 (Domingo)
Local: Teatro Guaíra – Auditório Bento Munhoz da Rocha Netto (R: Conselheiro Laurindo, s/n)
Horários:
Abertura do Teatro:
18h / Início do show Projeto Prime Cultural: 18h30/ Início do Concerto em Ri Maior: 19h
Duração do show: cerca de 70minutos
Ingressos: variam de R$31,00 (meia-entrada) a R$96,00 (inteira), de acordo com o setor.
Plateia – R$96,00 (inteira) e R$51,00 (meia-entrada);
1º Balcão – R$76,00 (inteira) e R$41,00 (meia-entrada);

2º Balcão – R$56,00 (inteira) e R$31,00 (meia-entrada).
A meia-entrada é para estudantes, maiores de 60 anos, professores, doadores de sangue e portadores de necessidades especiais (PNE).
Portadores do cartão fidelidade Disk Ingressos possuem 20% na compra de até dois bilhetes por titular. 
***Valores sujeitos a alteração sem aviso prévio. Promoções não cumulativas com descontos previstos por Lei. 
***
Já está incluso o valor de R$6,00 de acréscimo por bilhete referente à taxa de administração Disk Ingressos.
***É obrigatória a apresentação de documento previsto em lei que comprove a condição do beneficiário na compra do ingresso e na entrada do teatro.
Forma de Pagamento: Não serão aceitos cheques, apenas dinheiro e cartões de débito e crédito Visa, Mastercard, Dinners e RedeShop para o vencimento.
Pontos de Venda: Disk Ingressos (Loja Palladium – de segunda a sexta, das 11hs às 23hs, aos sábados, das 10 às 22 horas, e aos domingos, das 14 às 20hs, – e quiosques instalados nos shoppings Mueller e Estação de segunda a sábado, das 10hs às 22hs, e aos domingos, das 14hs às 20hs)Call-center Disk Ingressos (41) 33150808 (de segunda a sexta, das 9h às 22hs, e aos domingos, das 9 às 18hs), na bilheteria do teatro (de terça a sábado, das 12 às 21 horas) e também pelo site (www.ingressos.tguaira.pr.gov.br/bilheteria/vendainternet).
Classificação etária: Livre
Informações p/ o público: (41) 33150808 / 3304-7953 / www.maisumadaprime.com.br
Realização: Prime


nanarighetto@gmail.com

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.