Concessionária orienta pedestre a usar rodovia com segurança

O verão ainda não chegou, mas a previsão é de que mais de dois milhões de pessoas circulem nas rodovias que ligam Curitiba ao Litoral na temporada de 2015/2016. São veículos e pedestres que devem conviver de forma pacífica e segura, sobretudo nas áreas urbanas que se integram a BR-277 e as PR-508 e PR-407. Para assegurar esse equilíbrio, a concessionária Ecovia, responsável pela administração dessas rodovias, orienta principalmente aos pedestres a circular de forma segura pelas estradas que cortam as comunidades entre a capital e as praias.

“Passarelas, trincheiras e pontes estão entre os dispositivos de segurança viária que favorecem a mobilidade segura dos usuários. As passarelas, entretanto, se constituem um equipamento de segurança fundamental para os pedestres que circulam nas rodovias”, afirma Evandro Vianna, diretor Superintendente da Ecovia.

Ao todo, existe entre Curitiba e o Litoral 10 passarelas, sendo que três delas na PR-407, rodovia que está sendo duplicada em parte e que liga os balneários de Praia de Leste à BR-277, entre os km 2  e 3,4. Elas estão localizadas em trechos de maior adensamento populacional e têm sido bastante utilizadas por moradores das regiões onde estão instaladas.

“O uso da passarela é de extrema importância ao longo da BR-277 e das rodovias estaduais. Elas são fundamentais para evitar possíveis conflitos entre veículos e pedestres, além de integrar as regiões lindeiras à rodovia. As passarelas são uma forma segura de atravessar a rodovia”, afirma Raul Boff, gerente de Atendimento ao Usuário.

Além das passarelas, outros itens estão instalados na rodovia e que asseguram a circulação dos pedestres e motoristas ao longo das rodovias. São elas: as sete passagens subterrâneas, localizadas na BR-277 desde o km 29 (região de Morretes) até o km 81 (região de Curitiba), os redutores de velocidade implantados ao longo das vias e os radares, que induzem o tráfego em velocidade compatível em determinados trechos das rodovias.

“Para motivar o uso das passarelas na travessia pela rodovia, são cinco dicas que devem estar na mente dos usuários: é a forma mais segura de transpor vias; é o espaço exclusivo para pedestres e que deve ser respeitado; o uso do equipamento mantém segurança; é seguro para adultos e crianças e, por último, é a opção mais segura para idosos, mães com bebês e cadeirantes e portadores de necessidades especiais”, conclui Raul.

Sobre a Ecovia – A Ecovia é uma empresa do GrupoEcoRodovais. No Paraná é responsável pela operação e manutenção da BR-277 – rodovia de grande importância comercial e turística na Região Sul, por ligar Curitiba ao Porto de Paranaguá, numa extensão de 84 quilômetros em pista dupla, além dos segmentos rodoviários PR-508 (Alexandra-Matinhos), e PR-407 (Pontal do Paraná). A empresa também presta manutenção nas rodovias de oferta que ligam a BR-277 às cidades de Morretes e Antonina. A Ecovia oferece ainda os Serviços de Atendimento ao Usuário (SAU) nos km 35 e 11 (sentido Paranaguá) e km 61,2 (sentido Curitiba) onde há banheiro, fraldário, café, água e telefone público.

Sobre o Grupo Ecorodovias – Ecorodovias é um dos maiores grupos de infraestrutura e logística intermodal do Brasil. Conta com sete concessões rodoviárias nas regiões Sul e Sudeste, somando mais de 1.900 quilômetros de rodovias por onde passam 120 milhões de veículos por ano, representando 52,8% do fluxo de passageiros e turistas, e 48% de toda a carga nacional movimentada no país.

nqm

13.11.2015_Ecovia_143 13.11.2015_Ecovia_116 (1)

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.