Hospital Pequeno Príncipe promove a ação + Vida: Juntos Somos + em prol da saúde infantojuvenil

Com o objetivo de envolver toda a sociedade na causa da saúde, começando por pedestres e motoristas transitando próximo às ruas do Hospital Pequeno Príncipe, a instituição realizará a ação de mobilização + Vida: Juntos Somos +. Nos dias 26 e 27 de novembro, em lembrança ao Dia Nacional de Combate ao Câncer Infantil (23) e do Dia Nacional de Combate ao Câncer (27), voluntários que se inscreveram para participar da ação estarão nas ruas difundindo o propósito da instituição e arrecadando recursos para o Serviço de Oncologia-Hematologia e Transplante de Medula Óssea do Hospital.

Os voluntários que irão realizar a ação tiveram que se inscrever previamente, além de participar de um treinamento obrigatório. O + Vida teve centenas de inscritos, sendo a maioria jovens (com mais de 18 anos), com muita energia e vontade de fazer o bem. A abordagem nas ruas contará com dois aspectos essenciais: a conscientização sobre o diagnóstico precoce do câncer, que dobra a chance de cura do paciente, e as dificuldades enfrentadas para o financiamento da saúde ao longo de décadas no maior Hospital de alta e média complexidade exclusivamente pediátrico do Brasil.

Pela primeira vez, em 96 anos de história, o Hospital promove uma ação com o intuito de mobilizar as pessoas nas ruas, que além de conscientizar estimulará a doação. “É uma ação inspirada no desejo de realizar típico da juventude, que vai permitir a interação com o público, o retorno imediato e reforçar a discussão com esse grupo para a questão do cuidado e do apoio à saúde. É uma oportunidade para engajamento em uma causa essencial à vida”, explica Ety Cristina Forte Carneiro, diretora executiva do Hospital Pequeno Príncipe.

Ao todo, a ação será dividida em quatro turnos e o voluntário poderá participar de quantos quiser, das 8h às 13h ou das 13h às 18h. O desenvolvimento das atividades pode ser acompanhado pelas redes sociais do + Vida: Juntos Somos +, pelo Facebook /maisvidahpp ou pelo Instagram @maisvidahpp.

 

Importância das doações

O Hospital Pequeno Príncipe oferece tratamento a pacientes com câncer, de 0 a 18 anos, desde 1968. O Serviço de Oncologia-Hematologia e Transplante de Medula Óssea é uma das áreas que mais demanda recursos no Hospital, já que cerca de 80% do atendimento é feito pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Em média, 120 novos casos são registrados por ano.  Apesar de todas as dificuldades, a instituição ajuda a escrever novas páginas na vida de milhares de meninos e meninas com câncer ou acometidas por doenças hematológicas.

 

Em 2014, por exemplo, foram 8 mil atendimentos ambulatoriais, cerca de 1.000 internações e 18 transplantes de medula óssea – todos realizados pelo Sistema Único de Saúde (SUS). O número de consultas oncológicas ultrapassou a marca de 5 mil e mais de 3 mil sessões de quimioterapia foram realizadas. Assim, toda contribuição é importante para apoiar o atendimento de excelência a crianças e adolescentes de todo o país. <camila.mendes@hpp.org.br>

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.