Por Pedro Fideles
O desejo de hospedar-se em uma residência alugada durante a viagem está crescendo cada vez mais entre os moradores de Porto Alegre, de acordo com o Ministério do Turismo. De acordo com o boletim de outubro que mede a intenção de viagem do brasileiro, 12,6% dos potenciais turistas da capital gaúcha afirmam preferir residências alugadas como meio de hospedagem. Em comparação com o índice registrado em outubro do ano passado, houve um crescimento de 281,8%. A maioria (53,2%), no entanto, irá se hospedar em hotéis e pousadas. A pesquisa mede a intenção de viajar do brasileiro pelos próximos seis meses.
O estudo também revela que entre os potenciais viajantes de Porto Alegre, 94,4% pretendem fazê-lo acompanhados e 78,1% querem viajar pelo próprio país. O automóvel é o meio de transporte preferido pela maioria (72,1%) dos potenciais viajantes, dado que se diferencia da média nacional (33%). ASondagem do Consumidor – Intenção de Viagem é realizada todos os meses com duas mil pessoas em Belo Horizonte, Brasília, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo. As sete capitais brasileiras monitoradas representam 70% do fluxo turístico do Brasil.
“Nosso país, cada vez mais, se consolida como um destino atraente, com opções para todos os perfis de viajante”, disse o ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves. “São destinos que se tornam mais competitivos e com potencial para movimentar a economia e gerar desenvolvimento regional”, afirmou.
Ministério do Turismo

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Talvez você se interesse por estes artigos.

Fechar Menu