A conquista de novos parceiros do setor de turismo é uma das metas do PayPal Brasil, às vésperas dos jogos olímpicos

O PayPal,  líder mundial de pagamentos online, tem a meta de ampliar sua rede no Brasil, de olho no aquecimento do setor de turismo em 2016, em função dos jogos olímpicos a serem sediados no Rio de Janeiro.

As cias aéreas GOL e Azul, bem como o serviço de táxis 99Taxis, que conecta passageiros e motoristas, além de sites de reservas online de passagens de ônibus – a exemplo do ClickBus – são alguns dos parceiros do PayPal no segmento de turismo. Há, ainda, pousadas e sites de venda online de pacotes turísticos e os de aluguel de quartos, apartamentos e casas.

“Online ou off-line, o turismo no Brasil tem grande potencial”, afirma Paula Paschoal, diretora de Vendas e Desenvolvimento de Negócios do PayPal Brasil. Em 2014, o País recebeu 6,4 milhões de turistas segundo o Anuário Estatístico de Turismo. Os valores transacionados pelo setor no ano passado impressionam: segundo o Banco Central, brasileiros gastaram US$ 25,6 bilhões no exterior, enquanto estrangeiros, por sua vez, deixaram no mercado interno US$ 6,9 bilhões. “É com esse cenário que o PayPal trabalha”, acrescenta a executiva.

 

203 mercados ao redor do mundo. Paula ressalta que, de acordo com o estudo “eCommerce Disruption: A Global Theme”, da Morgan Stanley,  US$ 1 em cada US$ 6 gastos no comércio eletrônico são fechados via PayPal. A empresa de pagamentos online atua em 203 diferentes países e permite que seus clientes sejam pagos em mais de 100 moedas. “A facilidade do seu sistema torna o PayPal uma opção natural nas operações financeiras entre fronteiras. E, em particular, para as empresas de turismo, principalmente em um momento em que o País receberá milhões de visitantes, a exemplo do que já ocorreu com os jogos internacionais de futebol de 2014”, argumenta a diretora de Vendas.

Otimista, Paula ressalta a importância de um meio de pagamento eletrônico reconhecido internacionalmente. “Quem viaja para assistir a competições internacionais desse porte não quer perder tempo com transações financeiras cotidianas ou com burocracia. Prefere resolver tudo com antecedência, pela web”, explica.  Ela lembra que, no Brasil, as vendas de passagens aéreas pela internet não são novidade. Dados da consultoria comScore dão conta que, desde 2012, quase metade das reservas do setor no País já é realizada pela web, o que faz com que o mercado brasileiro tenha um perfil semelhante ao do mercado norte-americano.

Além de tradicionais empresas aéreas internacionais, no Brasil GOL e Azul aceitam PayPal  há mais de um ano, o que as permite vender pela web tanto para brasileiros, localmente, quanto para estrangeiros que compram do exterior. “Nosso desafio é impactar toda a base de clientes de cada aérea”, explica a diretora de Vendas.

 

Proteção ao consumidor na compra de passagens. Outro diferencial importante do PayPal, que deve impactar diretamente o setor de turismo, foi a ampliação do seu Programa de Proteção ao Comprador em julho passado, o qual passou a também cobrir  passagens aéreas, além de produtos físicos. “Isso significa que os consumidores que pagarem suas compras com PayPal podem ser reembolsados caso o serviço adquirido não seja entregue ou que venha a ser significativamente diferente da descrição do que foi contratado”, explica Paula. (As regras de elegibilidade do programa podem ser acessadas aqui). O prazo para a abertura de disputas por meio da Proteção ao Comprador do PayPal entre os seus usuários e os e-commerces e sites diversos de serviços que aceitam o  seu serviço de pagamentos aumentou para até seis meses.

 

Bons negócios. A opção de pagamento via PayPal por empresas do setor de turismo no Brasil não está restrita às companhias aéreas. Várias empresas locais já descobriram que ao oferecer o meio de pagamento eletrônico internacional conseguem captar pedidos de estrangeiros que não têm como pagar localmente, a exemplo de ClickBus.

Grandes eventos aumentam a demanda por passagens rodoviárias e incentivam brasileiros e estrangeiros a viajarem mais pelo Brasil. “Na Copa, vendemos passagens rodoviárias para mais de 52 nacionalidades diferentes, e a expectativa é que isso se repita nos Jogos Olímpicos em 2016”, afirma Cesário Martins, fundador e co-CEO da ClickBus. “Utilizar o Paypal no site da ClickBus permite que o turista interaja com um meio de pagamento que ele já conhece e confia. Além disso, alcançamos o público estrangeiro que pode efetuar a compra sem um CPF”, complementa o executivo.

Adeus aos formulários via fax. Há ainda outras vantagens para os parceiros locais. Com o PayPal, os turistas não precisam preencher documentos e enviá-los via fax ou e-mail. A operação online de pagamento dá-se facilmente, apenas com a inserção de um login e senha, sem a necessidade de se preencher inúmeros campos de cadastro.  Esta facilidade contrasta com a prática comum em pequenos hotéis e pousadas que ainda fazem a cobrança da reserva de quartos por meio de uma autorização manual, em papel, na qual o cliente precisa preencher seus dados, como número e código de segurança do cartão de crédito, que depois são enviados por e-mail ou fax – expondo suas informações financeiras.

“Além da segurança ao vender via PayPal nossos parceiros têm acesso a um universo de usuários que ultrapassa, atualmente, 173 milhões de clientes ativos em todo o mundo”, pontua Paula Paschoal. “Ou seja, o sistema é um multiplicador natural de oportunidades de negócios para nossos parceiros, o que é bom para todos”, ressalta a diretora da Vendas e Desenvolvimento de Negócios do PayPal Brasil.

 

Praticidade na palma da mão. Um dos exemplos de sucesso de parceria PayPal no mercado local é com a 99Taxis, startup brasileira de inovação e tecnologia que em 2012, ano de sua fundação, criou o aplicativo 99Taxis, uma plataforma que conecta passageiros e motoristas de forma rápida e segura.

De forma simples, é possível que a corrida de um táxi da 99Taxis seja paga via smartphone sem a necessidade de conexão com a internet ou bateria no celular do passageiro. O pagamento com PayPal contribui para a questão da segurança, pois o passageiro não necessita mais levar dinheiro para pagar o táxi, nem o próprio cartão. Com a solução, o cliente cadastra os dados do cartão de crédito em um ambiente seguro no aplicativo e pode pagar no final da corrida digitando uma senha de três dígitos direto no celular do motorista. O pagamento é finalizado, mesmo que o celular do passageiro fique sem sinal ou sem bateria.

 

Segurança é a palavra-chave.

Para Paula, o PayPal tem ativos importantes para oferecer no quesito segurança, já que um dos principais vilões do e-commerce são as fraudes na compra de passagens ou reserva de hotéis. No Brasil, segundo a pesquisa realizada pelo PayPal intitulada “Powering the People Economy”, divulgada em 2014, 70% dos consumidores que acessam a web temem fraudes online. “Temos como responder a esse receio. O PayPal processa, diariamente, 12,5 milhões de transações ao redor do mundo e todas elas são protegidas por criptografia, assim como por muitas camadas de sistemas de inteligência, para evitar que qualquer informação seja acessada de forma inapropriada”,  explica a executiva.

“O PayPal ostenta, ainda, o Payment Card Industry Data Security Standard (PCI DSS), uma das certificações mais rigorosas que existem na indústria de pagamentos eletrônicos”, acrescenta a executiva. Este padrão de segurança e de privacidade das informações dos usuários de cartões é uma importante garantia de que as informações, em particular no ambiente web, são tratadas de forma segura.

 

Sobre o PayPal

No  PayPal (NASDAQ:PYPL), nós colocamos as pessoas no centro de tudo o que fazemos. Fundada em 1998, a empresa continua a ser a vanguarda da revolução de pagamentos digitais. No último ano, nós processamos 4 bilhões de pagamentos, tendo sido 1 bilhão realizado em meios digitais móveis. O PayPal oferece às pessoas opções de como gostariam de pagar ou serem pagas. Com as nossas 173 milhões de contas ativas, criamos um ecossistema de pagamentos seguro e aberto, no qual pessoas e negócios escolhem realizar com segurança transações online entre si, em estabelecimentos e em dispositivos móveis.  O PayPal é verdadeiramente uma plataforma de pagamentos global e está disponível em 203 mercados, permitindo que clientes sejam pagos em mais de 100  moedas diferentes, que transfiram fundos para suas contas bancárias em 57 moedas e que tenham balanços em suas contas PayPal em 26 moedas diferentes. Mais informações sobre o PayPal podem ser obtidas emwww.paypal.com e em www.paypal-corp.com, além dos blogs da marca em português e em espanhol. Para mais informações financeiras do PYPL, visite investor.paypal-corp.com.

 

Conheça e acesse:

https://www.paypal.com/stories/br

paypal.comunique-se.com.br

www.doecompaypal.com.br

www.encontrosdobem.com.br

<aamericano@paypal.com>

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.