Entenda a importância de manter a flora intestinal regulada e saudável

A microbiota intestinal – nome mais adequado para a flora intestinal – é formada por um complexo ecossistema¹ de organismos microscópicos que habitam o intestino. Essa microbiota forma uma barreira contra microrganismos invasores e potencializa os mecanismos de defesa do organismo, melhorando não somente a imunidade intestinal, mas também as respostas imunes em geral². Por isso é importante tomar certos cuidados, a fim de manter o intestino longe de possíveis desarranjos dessa microbiota no dia a dia.

Segundo o Dr. Marcello Pedreira, pediatra do Pronto Atendimento do Hospital Sírio Libanês, pediatra do Instituto de Responsabilidade Social do Hospital Albert Einstein e especialista pela Sociedade Brasileira de Pediatria, um desses cuidados pode vir da força conjunta de pequenos micro-organismos vivos denominados probióticos que, quando ingeridos em quantidades adequadas conferem benefícios importantes à saúde³. “Assim que eles chegam ao intestino, multiplicam-se rapidamente e colonizam suas paredes, começando assim a restabelecer o equilíbrio bacteriano intestinal. Ao manter esse equilíbrio, os probióticos permitem a melhor absorção de certos nutrientes, a restauração mais rápida das células que revestem o intestino, a produção de algumas vitaminas, o estímulo ao desenvolvimento do sistema imunológico, além de constituírem uma potente linha de defesa contra agentes invasores.”

Existe um outro fator importante para a microbiota, chamado de prebiótico, capaz de estimular o crescimento das bactérias benéficas do intestino. Os prebióticos nada mais são do que fibras alimentares com características especiais (principalmente oligossacarídeos que não são digeridos pelas enzimas digestivas e chegam íntegras ao intestino grosso) e que servem como nutriente especialmente para as bactérias benéficas da microbiota. Tais fibras prebióticas podem ser encontradas principalmente em cereais, verduras e produtos lácteos, por exemplo4.

Ainda de acordo com o Dr. Marcello, esses elementos, quando combinados, garantem o bom funcionamento da microbiota intestinal. “Entretanto alguns cuidados básicos com a saúde devem ser levados em consideração, como, por exemplo, beber bastante líquido, lavar bem os alimentos, como frutas e verduras, antes de consumi-los e lavar as mãos com frequência, após ir ao banheiro e também antes de comer. ” Outra dica importante é estar sempre atento aos sinais que o intestino nos envia com frequência e “procurar antecipar qualquer problema mais sério, especialmente em crianças”, reforça o especialista.

 

Cuidando da saúde intestinal

Enterogermina é um alimento com propriedade funcional que contribui para o equilíbrio da flora intestinal. Constituído pelo micro-organismo probiótico Bacillus clausii, sua administração oral faz com que os bacilos cheguem intactos ao intestino, onde formam uma barreira contra agentes agressores.

 

Referências:

1-     Oliveira, M. A. F. M. Desenvolvimento da Microflora Intestinal. 2013. 3 f. Dissertação. Instituto de Biociências, Universidade do Estado de São Paulo, São Paulo. 2013.

2-     Santos, A. C. A. L. Uso de Probióticos na Recuperação da Flora Intestinal. 2010. 39 f. Tese (Curso de Especialização em Terapia Nutricional). Instituto de Nutrição – Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

3-     Fuller R. Probiotics in man and animals. J. Appl. Bacteriol. Oxford. V.66, p. 365-378, 1989.

4-     Organização Mundial de Gastroenterologia. Disponível em: http://www.worldgastroenterology.org/assets/downloads/pt/pdf/guidelines/19_probiotics_prebiotics_pt.pdf

 

Sobre a Sanofi

Presente no Brasil há mais de 50 anos, a subsidiária é uma das maiores filiais do Grupo Sanofi e uma das mais importantes operações nos chamados mercados emergentes. Com mais de 5.400 colaboradores, é a maior corporação farmacêutica do mercado brasileiro, conta com um amplo portfólio de produtos além de uma sólida plataforma industrial no País.

<danielle.vieira@starbrands.com.br>

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.