Imperícia aumenta número de acidentes de trânsito

Muitos consideram que dirigir é uma das atividades mais fáceis para um ser humano. Porém, conduzir um veículo requer não apenas coordenação motora para acelerar, frear, trocar de marcha e virar o volante. Concentração para evitar acidentes e habilidade para contornar situações inesperadas são essenciais para diminuir o número de mortes no trânsito.

Esses fatores e a falta de experiência, somada à tecnologia, que vem tirando a atenção das pessoas que estão ao volante, têm aumentado as estatísticas de acidentes nas ruas e rodovias brasileiras. Dados da Polícia Rodoviária Federal e dos Departamentos de Trânsito dos Estados Brasileiros revelam que a imperícia, a negligência e a imprudência são as grandes responsáveis por esse quadro alarmante. O Brasil sofre hoje com 45 mil mortes no trânsito por ano, de acordo com o Ministério da Saúde.

Esse número tem crescido de forma assustadora e uma das soluções para reduzir a quantidade de acidentes, e as consequentes mortes, é o treinamento. No resto do mundo, essa prática já é comum, com a capacitação não apenas de motoristas profissionais, mas também dos proprietários de veículos – sejam eles compactos, médios, utilitários ou esportivos.

A Diffevent Drivent Events, que chegou ao Brasil no fim de 2015, trouxe da Europa a experiência na capacitação dos condutores de veículos. A empresa europeia, especializada em organizar cursos e eventos no setor automobilístico, tem como objetivo proporcionar experiências únicas e ensinar os motoristas brasileiros a “domarem” o carro em situações adversas.

As aulas são comandadas pelo belga Wim Daems, que foi, por 13 anos, piloto profissional no campeonato GT da Europa e em campeonatos de Rallye e é, há mais de 25 anos, chefe instrutor de eventos na Europa, Ásia, América Central e América do Sul, para marcas como Porsche, Bentley e Mercedes-Benz.

Há 15 anos, a empresa realiza “treinamentos de elite” para vários tipos de público. Com escritório em São Paulo, a Diffevent passou a atuar em todo território nacional, apresentando ao mercado as melhores práticas e tecnologias utilizadas nos principais treinamentos de dirigibilidade do mundo.

A chegada ao País foi marcada por um curso de pilotagem esportiva, realizado no final de 2015, no Campo de Provas da Pirelli, em Sumaré-SP. Ensinar a acelerar, frear, ultrapassar, economizar combustível e entender o funcionamento completo de um automóvel é a proposta da Diffevent.

A vivência é de grande valia, pois habilita os condutores a controlarem os carros em situações extremas e também as corriqueiras. “O fator humano humano é preponderante para tirar o melhor proveito do equipamento e evitar acidentes. Não adianta ter um monte de item de segurança no carro e não usar”, explica Daems.

 

OS CURSOS

A Diffevent oferece três programas com diferentes focos, todos contemplando a parte teórica e os exercícios práticos. “O nosso grande diferencial é que utilizamos sistemas de telemetria e de filmagem para que os participantes aprendam através da reação como melhorar a maneira de dirigir”, conta Daems.

Um dos cursos organizados pela Diffevent é o Safe Driving, que tem o objetivo de diminuir o número de acidentes em ruas e estradas. O treinamento consiste em várias simulações reais de emergência, com demonstrações e práticas de exercícios de frenagem e desvio de obstáculos. “Os condutores aprendem a raciocinar de forma antecipada em uma situação imprevista”, argumenta Wim Daems.

Já o Eco Driving é um programa exclusivo da Diffevent, de grande importância para empresas que possuem frotas de automóveis, pois ensina a diminuir gastos com combustível, substituição de peças e os riscos de acidentes. Esse curso, inédito no Brasil, é ministrado em via pública e tem como foco principal instruir o condutor a dirigir de forma adequada no dia a dia.

No Advanced Driving os participantes aprendem a controlar o próprio carro esportivo com as instruções e acompanhamento de um piloto profissional. Essa capacitação também é oferecida em pistas nas quais o motorista aprende a controlar o carro em pista seca. “Além dessas práticas, é passado o conhecimento do bom uso dos sistemas de segurança ativa, como ABS, EBD, ASR, ESP, entre outros”, ressalta.

As ações também acontecem em momentos extremos: “o participante aprende a entrar em uma curva, como frear, fazer a tangência, a tomada, enfim, como se comportar em situações de perigo que o motorista pode passar”, finaliza.
Mais informações em www.diffevent.com.

 

Neste link do YouTube é possível entender como funcionam os treinamentos oferecidos pela Diffevent.
https://www.youtube.com/watch?v=cKi27UXT79c

 

centralpress

imagem_release_574565

1 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.