Com proposta inovadora, “Trilogia #QUARTOSAIDAELEVADOR” estreia na Casa Hoffmann

Com uma proposta inovadora, o espetáculo “Trilogia #QUARTOSAIDAELEVADOR”, da Cia. Ganesh, estreia no dia 3 de março, com sessões às 18 e 20 horas, na Casa Hoffmann (Rua Doutor Claudino dos Santos, 58 – São Francisco). O projeto reúne, em 60 minutos, três peças de diferentes autores. Os textos, de acordo com o diretor Humberto Gomes, giram em torno das relações humanas e suas fragilidades. “Chamo esse projeto de trilogia das relações e o que me chamou a atenção é investigar o elo entre esses 3 encontros – um casal em crise, uma mulher perdida em si mesma e dois estranhos que jamais parariam para conversar se não estivessem presos em um mesmo lugar. Quantas chances nós temos de nos enxergar no olhar do outro, através do outro e deixamos passar batido? Creio que o que fica dessa peça é a seguinte reflexão: ‘Se você tivesse a chance de mudar uma escolha, ou enfrentar a vida com uma nova perspectiva, você o faria?’”, explica o diretor.

O espetáculo reúne os textos “Saída de Emergência”, de Airen Wormhoudt; “Elevador”, de Humberto Gomes; e “Quarto de Hotel”, de Roberto Freire. A montagem percorre espaços alternativos, uma das características dos trabalhos realizados pela Cia. Ganesh. “Há alguns anos tenho vontade de reunir os 3 espetáculos – que foram montados isoladamente em 2006, 2007 e 2008 em locais que levavam à risca o seu nome-título. E ficava imaginando como seria recortá-los, ou juntá-los, em um só espaço. A ocupação da Casa Hoffmann  está sendo uma grata surpresa, pois ela tem espaços variados e acaba sendo o cenário perfeito para receber as peças. A teatralidade está na dramaturgia e uso poucos elementos cênicos para compor a peça. A arquitetura exerce grande influência na encenação e na forma que o público ficará disposto para que possam ter seu olhar como lente objetiva diante de cada cena”, completa Humberto Gomes.

“Trilogia #QUARTOSAIDAELEVADOR” reúne um elenco de talentos da cena paranaense: Airen Wormhoudt, Janja,  Luiz Bertazzo, Thiago Banik, Tiago Luz e Mayara Nassar. “O Bertazzo é o único que permanece da montagem original de ‘Quarto de Hotel’, de 2006. Airen, além de ser minha sócia, é uma atriz intensa. Eu quis compor um elenco com o qual eu tivesse intimidade e admiração pelos trabalhos que já conhecia. Como o espetáculo tem esse cunho intimista, as relações para construir esse novo formato também precisavam ser estreitas. Tiago Luz e Janja são duas feras do teatro e muito generosos. Thiago Banik e Mayara são da nova geração e muito sagazes e disponíveis, além de terem a vivacidade que eu queria para a composição”, avalia o diretor.

A cada sessão, serão disponibilizados apenas 36 ingressos. A retirada deve ser feita 1 hora antes do início do espetáculo na própria Casa Hoffmann e no dia da apresentação escolhida. Não serão disponibilizados ingressos para datas posteriores.

 

SERVIÇO

 

“Trilogia #QUARTOSAIDAELEVADOR”. De 3 a 7 de março e nos dias 12 e 13 de março, às 18 e 20 horas, na Casa Hoffmann (Rua Doutor Claudino dos Santos, 58 – São Francisco). Ingressos gratuitos. Lotação do espaço: 36 lugares. Informações: www.facebook.com/CiaGanesh.

 

Sobre a Cia. Ganesh

A Cia. Ganesh, idealizada e fundada por Humberto Gomes, iniciou suas atividades em Curitiba, no ano de 2006, realizando trabalhos de pesquisa teatral em espaços alternativos.

O grupo tem como prioridade o público e os caminhos de como atingi-lo, não somente pela reflexão, mas também fomentando uma discussão sobre como instigá-lo a mudar parâmetros, atitudes, valorizando-o como ser humano que possa direta ou indiretamente enxergar-se a partir da cena e transformar a si mesmo e seus conceitos. Por este motivo, a Cia. Ganesh tem como foco em sua proposta de trabalho artístico os espaços alternativos, propiciando ao público esta vivência muito próxima do desfecho da história.

Ao longo de nove anos de atividade, a Cia. Ganesh contou com a contribuição de diversos artistas. Atualmente, a sociedade artística de ideais, alma, fé e paixão concentra-se em dois artistas: Humberto Gomes e  Airen Wormhoudt.

Todos os trabalhos e pesquisas realizados contam com parcerias – seja no âmbito humano, a partir da troca e do trabalho de atores que são convidados a incorporar a família Ganesh; seja no âmbito institucional, a partir da troca e parceria com instituições e/ou coletivos artísticos que possam, de alguma maneira, dialogar com os valores da Ganesh e vice-versa.

<cristianoluiz1@gmail.com>

018_1 026 040

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.