Escritório da Construtora Laguna é o mais sustentável do Brasil

Ambiente de trabalho localizado no edifício 2820 conseguiu a pontuação mais alta do Brasil do selo LEED Platinum

A Construtora e Incorporadora Laguna conquistou o mais alto nível de certificação do LEED (Leadership in Energy and Environmental Design), maior selo verde ambiental para edificações. O escritório, localizado no Edifício Iguaçu 2820, em Curitiba, conseguiu o LEED Platinum para salas e espaços comerciais (LEED CI) com 89** pontos, número máximo que um empreendimento já conseguiu até o momento. Com isso, o escritório torna-se o mais sustentável do Brasil, além de ser a primeira empresa do Sul do país a conquistar o LEED CI Platinum. Além do escritório, que fica no 21º andar, o edifício – também construído pela Laguna – é certificado com o LEED nível Gold. No Brasil, apenas quatro empreendimentos possuem o LEED Platinum para espaços comerciais, mas com pontuações menores.

A Laguna conquistou o título, que é baseado em critérios de sustentabilidade, apresentando indicadores superiores aos encontrados no mercado. Segundo João Vitor Gallo, engenheiro ambiental e coordenador de projetos na Petinelli Consultoria, responsável pelo processo de certificação LEED da Laguna, foram levados em conta a eficiência energética e o uso de materiais e recursos. “O sistema de iluminação do escritório é eficiente e inteligente, com 48,5% de economia, resultado superior ao padrão de referência do próprio LEED. O sistema de ar condicionado também é econômico, com controle de temperaturas e termostato que se ajusta a cada ambiente”, explica. Os reservatórios dos vasos sanitários e dos banheiros são abastecidos pela água da chuva e os circuitos elétricos foram separados no quadro, diferenciando as cargas de tomadas, ar condicionado e de iluminação, o que facilita o monitoramento e o controle individual do consumo de energia.

Segundo Gallo, a Laguna está nove pontos acima do valor mínimo do selo Platinum, que é de 80 pontos. O escritório já se localiza dentro de um prédio certificado

Para André Marin, diretor de incorporação da construtora, a certificação reconhece a empresa como referência em sustentabilidade. “A Laguna se preocupa com essa questão ambiental em todos os seus empreendimentos, desde o abastecimento da água até os resíduos das obras. Nosso mote é sempre aliar a sustentabilidade econômica e social, sem deixar de lado a qualidade e conforto. Toda a sociedade ganha”, declara.

Principais pontos sustentáveis do Edifício 2820

 Localização

O escritório da Laguna está localizado em um prédio já certificado com o LEED Gold.

Energia

O sistema de iluminação é eficiente, com lâmpadas de baixo consumo e sensores dimerizáveis com DALI – última geração de gerenciamento de luz por meio de softwares que controlam a quantidade de iluminação que cada grupo de luminárias deve fornecer por meio da leitura da iluminação natural existente no local. Dessa forma, o sistema de iluminação alcançou 48,5% de economia, desempenho superior ao padrão de referência estipulado pelo LEED; os circuitos elétricos foram separados no quadro, diferenciando as cargas de tomadas, iluminação e HVAC, para assim monitorar e controlar individualmente o consumo de energia.

Água

O escritório da Laguna utiliza água da chuva para abastecimento dos vasos sanitários, com cisternas independentes e sistemas de reuso de água.

Materiais

Todas as tintas, adesivos e carpetes utilizados possuem baixos índices de Composto Orgânico Volátil, responsável por diversos problemas respiratórios comuns nos escritórios; 84,3% de todo o resíduo gerado na obra do escritório foram destinados à reciclagem ou reuso; boa parte do mobiliário do escritório foi reaproveitado do escritório anterior; as madeiras das portas possuem a certificação FSC, um sistema de garantia internacionalmente reconhecido que identifica, por meio da sua logomarca, produtos madeireiros e não madeireiros originados do bom manejo florestal.

Climatização

O sistema de ar condicionado é o VRF com filtragem. O modelo é desenvolvido para edifícios comerciais de grande porte e opera individualmente por ambiente. Isso trouxe 43,9% de economia de energia quando comparado ao padrão de referência estipulado pelo LEED. Além disso, foram fornecidos controles de temperatura para vários setores de ocupação.

Sobre o LEED

Emitido em mais de 130 países de todo o mundo, o selo é considerado a principal certificação de construção sustentável para os empreendimentos do Brasil. Criado em 1994 pelo USGBC-  Conselho de Construção Sustentável dos EUA, o LEED orienta e atesta o comprometimento de uma edificação com os princípios da sustentabilidade para a construção civil – antes, durante e depois de suas obras.

Sobre a Laguna

A Construtora e Incorporadora Laguna completa em 2016 vinte anos de atuação no mercado imobiliário. A empresa é referência na construção de edifícios residenciais, comerciais e corporativos de alto padrão. A Laguna tem como principal conceito a inovação nos empreendimentos desenvolvidos que, além de diferenciados, estão localizados nas regiões mais disputadas de Curitiba. A construtora é pioneira na implantação de certificação ambiental com a conquista do LEED (Leadership in Energy and Enviromental Design), o selo verde de maior reconhecimento internacional, com o Condomínio Logístico São Carlos, em São Paulo, e com o Edifício Iguaçu 2820, em Curitiba, e tem o primeiro residencial do Brasil a ter a pré-certificação LEED Gold, o LLUM BATEL. Mais informações no site www.construtoralaguna.com.br ou pelo telefone (41) 3259-1800.

 

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.