Médico da Selação de Vôlei destaca grupo e chance de medalhas

Dr Alvara Chamecki (3)Médico da Seleção Masculina de Vôlei, o ortopedista curitibano Álvaro Chamecki viaja neste final de semana para acompanhar a equipe na disputa de dois amistosos contra a Eslovênia, em Montes Claros (MG). Os jogos acontecem sábado e segunda-feira, dentro da preparação para a Liga Mundial, disputada em junho, e para a grande disputa das Olimpíadas do Rio de Janeiro, entre julho e agosto.

Os jogos em Montes Claros acontecem no ginásio Tancredo Neves. A Eslovênia foi vice-campeão europeia de 2015 e vem surpreendendo adversários de maior tradição. “Sem dúvida será um bom teste. Apesar de não estar classificada para os Jogos, aquela seleção tem um excelente nível”, conta Álvaro. “Nosso grupo está muito bem do ponto de vista físico e mental, com grande disposição. Com um bom trabalho nos lados táticos, técnicos e físico, que certamente será feito, tem grandes chances de ganhar medalha no Rio. Podemos dizer que é um dos favoritos, mas neste nível, a decisão será nos detalhes”, conclui.

Na Liga Mundial, a seleção poderá fazer até 13 jogos num espaço de um mês, passando por quatro países. O Brasil estreia em casa, no Rio, enfrentando Irã, Argentina e EUA, vai à Belgrado pegar Sérvia, Irã e Bulgária e depois para em Nancy para jogar contra Polônia, Bélgica e França. A fase final será na Polônia, na cidade de Cracóvia.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.