Morretes é a primeira cidade a receber o atendimento da unidade móvel Neo Sorrisos

Unidade de atendimento móvel oferecerá avaliação gratuita, atendimento odontológico básico e indicações de tratamento. Além disso, dentistas irão proferir palestras sobre saúde bucal nas cidades visitadas.

Espalhar novos sorrisos pelo Brasil, esse é o objetivo da Neodent ao proporcionar que seis Estados brasileiros contem com o atendimento diferenciado de uma unidade móvel em prol da saúde bucal. O Projeto, que leva o nome de Neo Sorrisos, consiste em um veículo reboque com dois consultórios móveis que passarão pelos Estados do Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Mato Grosso do Sul, Goiás e Bahia, no período de junho a dezembro deste ano.

Em um cenário nacional onde grande parte da população já perdeu um ou mais dentes e ainda não recebeu um tratamento adequado (1), a ideia do projeto lançado pela Neodent é fazer a primeira avaliação na unidade móvel e, para casos que precisem de um tratamento mais específico, a Neodent recomendará os dentistas da região para dar andamento ao tratamento* do paciente após a saída do Neo Sorrisos da cidade. O intuito é promover saúde, conscientizando a população que, nos dias de hoje, realizar um tratamento com implante dentário, resgatar a autoestima e a qualidade de vida, está mais acessível do que se imagina.

Morretes é a primeira cidade do Paraná a receber o NeoSorrisos

Começando pela cidade de Morretes, no Litoral paranaense, a unidade móvel estará atendendo no Centro de Eventos da cidade, localizado na Praça Rocha Pombo, no período de 27 de junho a 8 de julho, oferecendo avaliação gratuita, indicações de tratamento, realização de limpezas e orientações sobre saúde bucal, por meio também de palestras com dentistas voluntários da cidade e região. Para mais informações sobre a atuação na cidade de Morretes, os interessados podem entrar em contato pelo e-mail: neosorrisos@neodent.com.br.

Para a primeira etapa do projeto foram escolhidas cidades do interior, onde geralmente a informação demora um pouco mais a chegar e onde a empresa considerou que a ação traria mais benefícios à população. Outro ponto também levado em consideração foi a estrutura de dentistas da regiãoe como a Neodent poderia motivar a cadeia local promovendo a interação paciente e dentista

Tais critérios foram definidos pela Companhia visando levar saúde e informação a uma parcela da população que por diversos motivos não tem acesso fácil a tratamentos odontológicos mais sofisticados, geralmente concentrados nas capitais ou proximidades. Trata-se de um projeto transitório, mas que pretende deixar um legado, pois após a partida da unidade móvel, espera-se que os pacientes deem continuidade ao tratamento proposto.

Matthias Schupp, CEO da Neodent conta como a unidade pretende operar: “O apoio dos nossos clientes será fundamental. Nós idealizamos este projeto não apenas para trazer aos pacientes mais informações sobre tratamentos com implantes, mas também para aproximá-los dos dentistas, movimentando a economia dos locais visitados. Nosso intuito é prestar o primeiro atendimento em nossa unidade móvel para que o paciente possa dar continuidade em seu tratamento com o dentista de sua cidade”.

A unidade odontológica móvel, equipada com dois consultórios, contará com atendimentos por profissionais da Neodent e dentistas locais voluntários. Assim, além de estar mais próxima dos seus clientes, a empresa pretende oferecer condições especiais na aquisição de seus produtos àqueles que aderirem ao projeto. “Queremos motivar toda a cadeia de operação a trabalhar em prol deste projeto. Nós queremos abrir novos caminhos, queremos trazer novos sorrisos para a população brasileira e fazer com que a implantodontia seja, cada dia, mais conhecida no Brasil. É por isso que a Neodent está fazendo investimentos em diferentes áreas e este, é um de muitos outros projetos que temos, para trazer novidades para todo o país”, conta Matthias.

“O Neo Sorrisos possui toda a estrutura para suportar o funcionamento de dois consultórios simultâneos. Nós queremos levar sempre um profissional da Neodent e convidar os clientes da nossa companhia, que atuam na cidade em que a unidade móvel estiver, para compor a equipe de atendimento. Além dos dois dentistas, nós teremos um time de mais de 6 pessoas que atuará focada na operação do NeoSorrisos, desde a divulgação prévia até o atendimento e operacionalização da ação nas cidades”, explica o responsável pelo projeto, Dr. Sergio Bernardes, Dentista, Mestre e Doutor em reabilitação oral pela Universidade Federal de Uberlândia, USP/Ribeirão Preto com colaboração na Eastman Dental Institute em Londres.

A Neodent espera passar por 11 cidades de 6 estados do Brasil, computando mais de mil pacientes atendidos. Trata-se de um projeto ousado e que tem amplas aspirações para a empresa. Pablo Prado, Vice Presidente de Marketing da Neodent conta quais são as expectativas: “nosso compromisso é com a promoção da saúde bucal e acreditamos que investir em disseminar conhecimento é o caminho. Esse é um dos principais projetos da nossa Companhia para este ano e esperamos levar muitos sorrisos aos pacientes de nosso país, além de ampliar o conhecimento sobre nossa marca. É um projeto que representa o conceito de parceria: temos todo o nosso time, amplamente dedicado e empolgado com a ideia, contaremos também com a ajuda de nossos clientes, que terão a oportunidade de estreitar relacionamento com seus atuais e possíveis pacientes, as autoridades locais que já têm demonstrado apoio ao projeto e, como resultado, teremos mais de mil pacientes atendidos e satisfeitos, mais de mil sorrisos espalhados pelo Brasil”.

A empresa tem planos para o futuro do NeoSorrisos, “nós começamos este projeto neste ano, mas, nossa ideia é poder futuramente expandir a atuação do NeoSorrisos para outros países, já que é um projeto único a nível mundial, e, quem sabe, ter mais de uma unidade móvel, tudo vai depender do andamento do projeto neste ano, por isso consideramos fundamental a parceria de nossos clientes e pacientes”, explica Matthias Schupp.

(1) Situação da Saúde Bucal no Brasil

Este projeto da Neodent está em convergência com a necessidade do país. Uma pesquisa Nacional de Saúde (PNS), divulgada em 2015, demonstra que o Brasil ainda está longe de um nível aceitável de saúde bucal, o que resulta em uma grande concentração de 11% de edêntulos totais (sem nenhum dente) em sua população.

Grande parte desse número são de homens (13,3%) e na sequência somam-se 8,4% de mulheres que integram esse universo. Entre o grupo estão pessoas com 60 anos ou mais. Outro dado que impacta na saúde bucal é o de que 23 % dos brasileiros perderam 13 dentes ou mais e outros 33% usam algum tipo de próteses dentária.

A Pesquisa Nacional de Saúde é uma parceria do IBGE com o Ministério da Saúde, resultado da visita a cerca de 80 mil domicílios, em 1.600 municípios de todo o país desde 2013. Essa pesquisa mostrou também que entre os brasileiros com mais de 18 anos que buscaram atendimento de saúde bucal, 74,3% recorreram a consultórios particulares.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.