Começa na PUCPR o hiPUC Bootcamp

Começou nesta segunda (04) na PUCPR o hiPUC Bootcamp. O programa de health innovation que acontece de 4 a 15 de julho, tem como objetivo reunir 20 profissionais da área médica, engenheiros, profissionais da saúde, de TI e administradores que desejam empreender na área para criar soluções inovadoras e eficazes para problemas da saúde brasileira. O encontro, realizado em parceria com professores e egressos do programa de Biodesign da Universidade de Stanford – EUA, acontece pela primeira vez na América Latina.

Na cerimônia de abertura, realizada na manhã desta segunda (04), o vice-reitor da Instituição, Paulo Mussi, falou sobre o histórico do programa. “A ideia começou em 2011, quando uma equipe de gestores da PUCPR visitou o Programa Biodesign da Universidade de Stanford, em Singapura. Lá, vimos como a inovação pode mudar a realidade de uma cidade. E, desde então, viemos formatando e adaptando para chegar ao programa ideal para o Brasil”, conta. “Este projeto é uma semente para Curitiba, o Paraná e o Brasil. É só o começo, e a partir desta semente queremos transformar ideias em soluções”, explica Paulo Mussi.

De acordo com o Diretor da Agência PUC de Inovação, Álvaro Cesar Camargo do Amarante, o programa irá se replicar ano a ano. “O encontro é multidisciplinar e tem competências multidisciplinares e, junto a pessoas muito eficazes, trará novos frutos para a saúde brasileira”, conta. Para Robson Capasso, líder internacional, idealizador do hiPUC Bootcamp, professor assistente e pesquisador da Escola de Medicina da Universidade de Stanford, há uma grande oportunidade no Brasil para desenvolver a inovação. “Com o panorama do país, temos um grande mercado para explorar”, explica Capasso.

Sobre o hiPUC Bootcamp
No programa, os profissionais vivenciarão metodologias desenvolvidas no Vale do Silício, conciliando prática e teoria durante atividades intensivas. Na primeira semana de capacitação, após ser apresentado o formato do programa pelos líderes, os participantes se reunirão e, acompanhando a rotina de hospitais, identificarão necessidades dos segmentos médicos e de saúde. Na segunda etapa, após a formação de equipes, serão propostas soluções tecnológicas e digitais inovadoras para área. Finalmente as equipes implementarão um protótipo, estabelecendo um plano de negócio.

Para o encerramento do programa, nos dias 14 e 15 de julho serão realizados os Seminários de Health Innovation: palestras e mesas redondas com empresas na área de medicina e tecnologia, investidores, governo, experts em propriedade intelectual e patentes, cientistas e pesquisadores do Brasil, Estados Unidos, Canadá e Reino Unido. Nele, além dos painéis, as equipes do Bootcamp apresentarão seus trabalhos e serão avaliados por jurados composto de autoridades nacionais e internacionais que escolherão o melhor projeto.

Para mais informações sobre programação completa do programa, acesse o site www.hipuc.com .

Equipe de renome
Os participantes do hiPUC Bootcamp contarão com mentorias e terão suporte de professores e egressos da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos, pioneira neste tipo de ação e uma das mais conceituadas universidades do mundo. Na equipe que virá ao Brasil, está o Dr. Robson Capasso, professor assistente e pesquisador do curso de Medicina de Stanford, instrutor e egresso do programa de Biodesign; Ravi Pamnani, egresso do programa e diretor de marketing da Transcend Medical; Dr. Robert Chang, professor assistente de Medicina de Stanford, palestrante no Stanford Center for Innovation in Global Health da Universidade, e inventor; e Partha Ray, também egresso do programa e diretor global de inovação cirúrgica na Johnson & Johnson.

Lunch and Learn
Na programação do hiPUC Bootcamp está o Lunch and Learn, evento que será realizado de 04 a 13 de julho que será aberto ao público. Esta etapa, que não tem custo para os participantes do Bootcamp, consiste em palestras exclusivas de pesquisadores, cientistas, investidores, CEO’s, co-fundadores e vice-presidentes de empresas internacionais que serão transmitidas das 12h às 13h, na Arena 36, 3° andar da Escola de Medicina (bloco 6) da PUCPR. O almoço para o evento está incluso e interessados devem se inscrever pelo site do hiPUC.

de6ff8b4-2eb8-4720-a695-ae09af676bb6

Foto: Ravi Pamnani, Robert Chang, Eric Sokol e Robson Capasso, professores e egressos do programa Biodesign, da Universidade de Stanford, Paulo Mussi, vice-reitor da PUCPR, Álvaro Amarante, diretor da Agência PUC de Inovação, e Marcelo Pillonetto, coordenador do hiPUC Bootcamp. Créditos: Edjane Madza.

mayara.d@grupomarista.org.br

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.