Empreendimentos sustentáveis geram economia de mais de 40%

Investimentos em sustentabilidade também proporcionam até 30% de redução no valor do condomínio

Os empreendimentos da Construtora e Incorporadora Laguna apresentam economia de energia e de água superior a 40% em relação aos empreendimentos tradicionais. O resultado vem de um estudo da Petinelli Consultoria, líder no mercado em consultoria para certificação LEED (Leadership in Energy and Environmental Design), maior selo verde ambiental para edificações. O escritório da Laguna, recentemente considerado o mais sustentável do Brasil, apresenta 48% de redução de consumo na iluminação e 30% de redução no consumo total. O próprio edifício onde o escritório está instalado em Curitiba, o Iguaçu 2820, também construído pela Laguna, tem 700 m² de telhado verde e 23% de redução de consumo na iluminação das áreas comuns. O Condomínio Logístico São Carlos, construído pela Laguna em São Paulo, apresenta 41,9% de redução no consumo de energia total do edifício, 41% de redução no consumo de água.

De acordo com o engenheiro Bruno Martinez, diretor técnico da Petinelli, o estudo seguiu as normas americanas, que fornecem requisitos mínimos para o planejamento da eficiência energética de edifícios residenciais e comerciais. A norma ASHRAE 90.1 indica os parâmetros e procedimentos para calcular a economia energética tanto de empreendimentos em funcionamento quanto dos empreendimentos que ainda estão em obras ou na planta. “Utilizamos um software de simulação predial em que inserimos o modelo geométrico dos empreendimentos e adicionamos todas as propriedades térmicas das construções, como calor específico do concreto, potência de iluminação e performances dos vidros, entre outras características”, explica. Segundo Martinez, o software calcula, entre vários quesitos, o consumo de energia e água do prédio. “Com base neste estudo, os engenheiros determinam qual é a melhor medida de eficiência e conforto na fase de projeto, facilitando assim a tomada de decisão da equipe e, consequentemente, tornando o edifício mais eficiente e sustentável”, esclarece.

Segundo o Green Building Council Brasil (GBC Brasil), que orienta a respeito do selo LEED, o investimento em sustentabilidade proporciona até 30% de redução no valor do condomínio e diminuição média de 9% no custo de operação durante toda a vida útil. São vantagens que se refletem na valorização dos imóveis. Os empreendimentos sustentáveis chegam a se valorizar de 10% a 20% na hora da revenda.

O projeto da obra do LLUM Batel, primeiro residencial pré-certificado com o LEED Gold do Brasil, já aponta 30% de redução no consumo de água em relação às construções tradicionais. Além disso, há uma redução anual de custo de R$ 5.200 com energia nos apartamentos, 30% de redução do consumo de iluminação das áreas comuns e 35% de redução do consumo de energia do condomínio. Nos demais empreendimentos que levam sua assinatura, a Laguna mantém o mesmo cuidado. Com previsão de entrega para setembro, o edifício EOS Barigui já indica 25% de redução de consumo de energia do ar-condicionado. Já o MAI Home, ainda em construção, tem 41% de redução de energia do ar-condicionado. O empreendimento MAI Work, em construção, já tem 28% de redução do consumo de energia total do edifício e 30% de carga térmica, que é a capacidade de instalação do ar-condicionado.

Segundo o diretor-geral da Laguna, Gabriel Raad, a construtora tem o cuidado de aliar sustentabilidade com conforto e economia. “Temos por princípio trabalhar para mitigar os danos causados pela exploração de recursos naturais, buscando sustentabilidade sem deixar de lado a qualidade e o conforto”, comenta.

O diretor de incorporação André Marin diz que a Laguna se preocupa com a questão ambiental em todos os seus empreendimentos. “Desde o abastecimento da água até os resíduos das obras, nosso mote é sempre aliar a sustentabilidade econômica e social com qualidade e conforto. Toda a sociedade ganha”, declara.

Sobre a Construtora e Incorporadora Laguna – A Construtora e Incorporadora Laguna completa em 2016 vinte anos de atuação no mercado imobiliário. A empresa é referência na construção de edifícios residenciais, comerciais e corporativos de alto padrão. A Laguna tem como principal conceito a inovação nos empreendimentos desenvolvidos que, além de diferenciados, estão localizados nas regiões mais disputadas de Curitiba. A construtora é pioneira na implantação de certificação ambiental com a conquista do LEED (Leadership in Energy and Enviromental Design), o selo verde de maior reconhecimento internacional, com o Condomínio Logístico São Carlos, em São Paulo, e com o Edifício Iguaçu 2820, em Curitiba, e tem o primeiro residencial do Brasil a ter a pré-certificação LEED Gold, o LLUM BATEL. Mais informações no site www.construtoralaguna.com.br ou pelo telefone (41) 3259-1800.

 

 

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.