Gartner anuncia que algoritmos são essenciais para o crescimento da economia digital

O uso dos algoritmos ganha força conforme as organizações entendem seu valor

 O Gartner, Inc., líder mundial em pesquisa e aconselhamento imparcial em tecnologia, anuncia que os algorítmicos são essenciais para o crescimento da economia digital, mas os líderes de TI, dados e negócios ainda têm dificuldade sobre o que fazer e como aplicar esse formato em seus negócios. O tema será debatido durante o Gartner Symposium/ITxpo 2016, que acontece entre 24 e 27 de outubro, no Sheraton São Paulo WTC Hotel (SP).

De acordo com Alan Duncan, Diretor de Pesquisas do Gartner, as organizações serão valorizadas não apenas por seus Big Data, mas também pelos algoritmos que transformam os dados em ações e, consequentemente, melhoram a experiência do cliente.

“Negócios baseados algorítmicos são fundamentais para ter vantagem competitiva. Até 2018, mais de 50% das grandes organizações competirão globalmente utilizando Analytics avançado e algoritmos patenteados, causando grandes transformações em indústrias por completo”, afirma o analista.

O analista do Gartner destaca os cinco principais itens que CIOs (Chief Information Officers) e CDOs (Chief Data Officers) devem saber sobre os negócios baseados em algorítmicos:

 

O uso de algoritmos não é novidade – Algoritmos têm sido o foco dos sistemas de controle de manufatura, automação de marketing e gerenciamento de campanhas, além de terem desempenhado papel fundamental em serviços financeiros nos últimos anos. Há agora um aumento no uso de algoritmos conforme pesquisadores desenvolvem maneiras de torná-los mais inteligentes e eficientes na utilização de recursos de dados novos ou ainda inexplorados.

 

Negócios algorítmicos são diferentes de Business Intelligence – BI (Business Intelligence) tem como foco a análise de dados para descrever e entender eventos anteriores, preferencialmente com o objetivo de prever oportunidades e desafios futuros. Já os algoritmos geram impacto em tudo o que se faz, incluindo planejamento, controle, Internet, mídias sociais, e-commerce e automação de fábricas. Business Intelligence é apenas uma parte disso e certamente será afetada como todo o restante.

 

As vantagens dos algoritmos são velocidade e escala –  Os algoritmos funcionam em uma velocidade e escala que não podem ser facilmente combinadas simplesmente ao aumentar a mão de obra humana. Conforme os negócios digitais se fortalecem, o aumento do uso de algoritmos representa a forma mais eficiente e econômica de tratar os volumes de dados e de explorar os números crescentes dos momentos de negócios emergentes.

 

O índice acelerado de mudança tecnológica está levando à emergência de negócios algorítmicos – As rápidas mudanças tecnológicas, os níveis crescentes de conectividade entre indivíduos, negócios e dispositivos inteligentes e o aumento da volatilidade e do fluxo do mercado favorecem o uso elevado de sistemas não-humanos a fim de identificar e explorar oportunidades. As tendências secundárias, como computação em Nuvem, conectividade onipresente, aumento dos dispositivos inteligentes conectados e de dados e a aceitação social crescente de atividades lineares e das soluções baseadas em tecnologia, contribuem para a elevação da receptividade enquanto fornecem infraestrutura para oferecer suporte à coleta e análise de dados em uma escala até agora considerada impossível.

 

Negócios algorítmicos criam oportunidades e riscos para colaboradores – As oportunidades são a capacidade de automatizar e aplicar velocidade e escala para gerenciar novas transações de forma precisa, apropriada e personalizada, enquanto os riscos estão relacionados às considerações éticas, como questionar se é o certo a se fazer e quais são as consequências inesperadas. “Para muitas indústrias baseadas em conhecimento que têm como foco a prática, como direito e medicina, os algoritmos ameaçam o status e a permanência de consultores, líderes e outros profissionais por terem a capacidade de mudar a economia do trabalho de conhecimento de nível básico, como a busca por antecedentes legais”, diz Duncan.

Até 16 de setembro, as inscrições para o Gartner Symposium/ITxpo 2016 estão com desconto de R$ 675,00. Há preços diferenciados para profissionais do setor público e descontos para grupos. Interessados devem contatar o Gartner pelo e-mail brasil.inscricoes@gartner.com, pelos telefones (11) 5632-3109 e 0800-744-1440 ou pelo site: gartner.com/br/symposium.
Anote em sua agenda – Gartner Symposium/ITxpo 2016

Data: de 24 a 27 de outubro de 2016 (Segunda a Quinta-feira)

Local: Sheraton São Paulo WTC Hotel – Av. das Nações Unidas, nº 12.559, São Paulo/SP

Site: gartner.com/br/symposium

Sobre o Gartner Symposium/ITxpo 2016

O Gartner Symposium/ITxpo é o mais importante encontro de CIOs e executivos estratégicos de TI. O evento traz conteúdo independente e objetivo com a autoridade do líder mundial em pesquisa e aconselhamento sobre tecnologia e fornece acesso às mais recentes soluções dos principais fornecedores de tecnologia. O Symposium/ITxpo anual do Gartner é um componente essencial dos esforços de planejamento dos participantes. Eles contam com insights sobre como suas empresas podem utilizar a tecnologia para atender aos desafios dos negócios e aprimorar sua eficiência operacional. Para mais informações, acesse gartner.com/br/symposium.

 

Sobre o Gartner

O Gartner, Inc. (NYSE: IT) é líder mundial no fornecimento de pesquisas e aconselhamento imparcial em tecnologia. Fornece análises de TI para seus clientes fazerem as escolhas certas todos os dias. De CIOs e diretores de TI em corporações e agências governamentais a líderes em empresas de alta tecnologia e telecomunicações, passando por investidores deste mercado, o Gartner é parceiro indispensável para cerca de 10.000 diferentes companhias. Por meio do Gartner Research, Gartner Executive Programs, Gartner Consulting e Gartner Events, trabalha com cada cliente para pesquisar, analisar e interpretar o negócio de TI dentro do contexto de seu papel individual. Fundado em 1979, o Gartner tem sede em Stamford (Connecticut – EUA) e possui mais de 8.100 associados, sendo mais de 1.700 analistas de pesquisa e consultores, e clientes em 90 países. No Brasil, o Gartner está presente com as unidades Gartner Research, que oferece pesquisas e aconselhamento para profissionais, fornecedores e investidores de TI; Executive Programs, com grupo de CIOs alimentado pelo conteúdo Gartner com cerca de 3 mil membros em todo o mundo; e Eventos, com conferências e Symposium. Para obter mais informações, visite www.gartner.com.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.