29 anos de história: Três exposições são abertas no Ecomuseu de Itaipu

Até março, moradores e turistas de Foz do Iguaçu estão convidados a visitar três novas exposições no Ecomuseu de  Itaipu. As mostras marcam o aniversário de 29 anos do espaço. Feito à mão, de Marcos Pagani; A arte do xadrez, de Alaércio Santini; e A floresta através dos sentidos, coordenado por Giovana Secretti Vendruscolo, foram abertas nesta sexta-feira, 28, à noite. A entrada é grátis para quem mora na região. O horário de visitação é das 8h às 16h30, de terça-feira a domingo.

Participaram da solenodade de abertura o diretor de Coordenação de Itaipu, Nelton Friedrich, o superintendente de Comunicação Social, Gilmar Piolla, os responsáveis e autores das exposições e convidados. As mostras têm características diversas. Duas delas apresentam objetos esculpidos à mão pelos artistas, cada um com sua peculiaridade, e a terceira interage com o público por meio da percepção sensorial.

Na abertura, Pagnani disse que é uma honra trazer esse sendo estético para o Ecomuseu. “A mostra ficou maravilhosa. Fiquei muito emocionado de transportar de casa para aqui esse trabalho. Nunca me imaginei escultor, artista no início da minha carreira nesse ramo. E ver esse projeto aqui, é uma grande satisfação”.

Alaércio falou que ver sua arte reunida numa exposição é um sonho. “Vejo xadrez em tudo. É um verdadeiro caso de amor. Quando aprendi a jogar, pensei logo em fazer desse romance arte.  Agradeço a oportunidade e espero que o público goste do resultado”.

Giovana disse que o projeto trazido para o Ecomuseu parte da pesquisa, daquilo que acredita e gosta de fazer. É um trabalho coletivo. “Aprendemos e fizemos muitas descobertas nesse processo, o que prevaleceu foi a parceria”. No final da solenidade, Friedrich fez um reconhecimento à importância do Ecomuseu, ao trabalho de memória, ao exercício de reflexão da civilização. “Experiência nova do ressignificado da vida, dos sentimentos,  do encontro do homem com a natureza”.

Dentro da floresta
Por meio de fotografias, os visitantes conhecem a Floresta Estacional Semidecidual, vegetação da Mata Atlântica.
O trabalho é resultado do projeto de extensão “Educação em museus: conhecer para conservar a Floresta Estacional”, coordenado pela professora Giovana Secretti Vendruscolo, docente do curso de Ciências Biológicas – Ecologia e Biodiversidade, da Universidade Federal da Integração Latino-Americana (Unila).

A iniciativa reúne ainda as empregadas da Itaipu Veridiana Costa Pereira, da Divisão de Áreas Protegidas, e Liziane Kadine Antunes de Moraes Pires, da Divisão de Ação Ambiental.

Xeque-mate
Arte do xadrez mostra a originalidade e habilidade do artista autodidata Alaércio Santini na criação de peças do jogo de tabuleiro. De forma singular, ele usa materiais como madeira e até canos de PVC reaproveitados para moldar reis, damas, bispos, torres, cavalos, peões.
Na ponta dos dedos

Em Feito à mão, o artista plástico Marcos Pagani reúne 20 peças, entre esculturas, cerâmicas e pinturas. A proposta é enfatizar o valor dos trabalhos manuais, especialmente àqueles relacionados às diferentes técnicas de escultura e da pintura.
O artista já realizou diversas exposições na Inglaterra, França, Suíça e Noruega. Nestes países, trabalhou como assistente de outros artistas ou manteve atelier próprio na produção de esculturas e pinturas.

Serviço

Exposições: Feito à mão, de Marcos Pagani; A arte do xadrez, de Alaércio Santini; A floresta através dos sentidos.
Local: Ecomuseu de Itaipu
Endereço: Av. Tancredo Neves, 6001 – Foz do Iguaçu –PR.
Visitação: 28 de outubro de 2016 a março de 2017, de terça-feira a domingo.
Horário: 8h às 16h30
Ingresso: O acesso é feito diretamente no Ecomuseu (não é necessário ir ao CRV). Moradores de Foz do Iguaçu não pagam a entrada, mediante comprovação de residência. Para os demais, o ingresso custa R$ 12. Crianças de 0 a 6 têm gratuidade. Moradores dos municípios lindeiros e crianças de 7 a 12 têm 50% de desconto.

Informações sobre visitas: 0800 645-4645.

47470_ecomuseu-2 41985_ecomuseu-4 6808_ecomuseu-7 4262_ecomuseu-xadrez

Crédito das fotos: Nilton Rolin.

Imprensa Itaipu

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.