Ney Matogrosso no Psicodália 2017

ney-matogrosso-1_-marcos-hermes-agencia-lensEm sua primeira participação no festival Psicodália, Ney Matogrosso está confirmado entre os headliners da 20.ª edição do festival multicultural. Ele apresenta o repertório do premiado e festejado projeto “Atento aos Sinais”, cuja turnê estreou em fevereiro de 2013, transformou-se em CD de estúdio no mesmo ano e ganhou edição ao vivo em CD e DVD pela Som Livre em 2014.

“Atento aos Sinais” tem um repertório de músicas assinadas por compositores consagrados, como Caetano Veloso (“Two Naira Fifty Kob”) e Paulinho da Viola (“Roendo as unhas”), mas que destaca a produção de novos nomes como Criolo (“Freguês da Meia-Noite”), a banda Zabomba (“Pronomes”), Dani Black (“Oração”), o alagoano Vítor Pirralho (“Tupi Fusão”), Dan Nakagawa (“Todo mundo o tempo todo”) e os cariocas do Tono (“Não consigo” e “Samba do Blackberry”). “Muitos me procuram, vão aos shows e me entregam letras, discos gravados. Outros conheço através da internet. Sempre acho que numa dessas posso encontrar coisas interessantes, como tenho encontrado”, conta Ney. A última música escolhida para o repertório foi “Noite Torta”, de Itamar Assumpção, autor de outras duas canções do roteiro: “Isso não vai ficar assim” e “Fico louco”. Desde 1988, quando gravou “Chavão Abre Porta Grande”, Itamar é presença constante nos projetos de Ney, que o considera “um dos maiores compositores da música brasileira”.

Dirigido por Felipe Nepomuceno, o DVD registra a performance exuberante e hipnótica do artista em um cenário que inclui uma cadeira espelhada no centro do palco, onde Ney troca de figurino, e os flertes com a plateia, que mergulha de cabeça em um repertório sem concessões, que jamais envereda pelo caminho mais fácil. “Atento aos Sinais é um show que me aproxima dos meus tempos de Secos & Molhados, mas é sobretudo um show pop. Sou um artista que gosta de arriscar, até porque sou intérprete, não sou compositor”, define.

A turnê, que passou por Portugal, Argentina, Uruguai e pelas principais capitais do país, está perto de contabilizar 100 apresentações, em quase quatro anos de estrada.

O Festival

O Psicodália acontece durante o Carnaval 2017, na Fazenda Evaristo, em Rio Negrinho (SC). Estão confirmados também os shows de Casa das Máquinas, Céu, Cálix, Perotá Chingó, Recordando o Vale das Maçãs, Metá Metá e Trombone de Frutas, com a participação de Di Melo, além do eterno ‘tremendão”, Erasmo Carlos.

Ao todo serão em torno de 50 atrações musicais, além de oficinas, workshops, apresentações teatrais, de cinema e muitas atividades recreativas, para crianças e adultos. Interessados em apresentar propostas de oficinas podem encaminhar suas ideias para a produção por meio do site.  Bandas interessadas em compartilhar os palcos com estas e outras grandes atrações também podem enviar suas propostas no site do evento.

 

O Psicodália será de 24 de fevereiro a 1 de março de 2017 e para ficar por dentro de todos os detalhes e saber cada nova atração basta estar atento ao Facebook e ao site do evento. A Fazenda Evaristo, área de 500 mil m2 de área verde, receberá estrutura de reforço, com portaria, estacionamento, bares e praça de alimentação 24 horas. Terá ainda ambulatório 24 horas, minimercado, feirinha e bazar e cinco grandes áreas de camping arborizadas, equipadas com banheiros, iluminação, limpeza e segurança. Os passaportes estão à venda pelo Disk Ingressos.

 

Serviço:

O que: Psicodália 2017

Quando: 24/02 a 01/03/2017

Onde:  Fazenda Evaristo, em Rio Negrinho (SC)

Passaportes:  http://www.diskingressos.com.br/evento/4570

Informaçõeswww.psicodalia.com.br

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.