Espetáculo de rua marca 10 anos de Arte da Comédia

O Grupo Arte da Comédia comemora uma década de atuação nacional presenteando o público brasileiro com a tradução e a adaptação inédita de um texto de Flaminio Scala, dramaturgo e diretor de uma das primeiras companhias de commedia dell’arte da Itália.  Será a primeira vez que o canovaccio “A Loucura de Isabella” será montado no Brasil com tradução do diretor do grupo, o italiano Roberto Innocente – que também adapta a trama e seus tipos cômicos para a realidade brasileira. O espetáculo em tom comemorativo estreia no dia 4 de novembro, na Praça Santos Andrade, e segue com apresentações gratuitas no local até o dia 3 de dezembro.

A pesquisa realizada pelo grupo Arte da Comédia iniciou com a vinda de Roberto Innocente para Curitiba. Italiano de Padova e profundo pesquisador da comédia de sua pátria (tendo já trabalhado ao lado de Dario Fo, Carlo Boso, entre outros artistas italianos de renome na área), ele desembarcou na capital paranaense em 2005, a convite do Centro Cultural Teatro Guaíra, com o fim de dirigir a montagem de uma Ópera produzida pelo CCTG na época.

Ao decidir permanecer na cidade, Innocente iniciou um projeto de pesquisa que partia das máscaras da comédia clássica para alcançar uma linguagem de teatro popular essencialmente brasileira. Deste projeto surgiu o grupo que já montou 9 espetáculos, participou de 3 óperas líricas italianas, foi vencedor de quatro troféus Gralha Azul, recebeu diversas premiações em festivais de artes cênicas pelo Brasil e, este ano, por meio do Programa de Apoio e Incentivo à Cultura da Fundação Cultural de Curitiba, completa a sua primeira década de existência em grande estilo.

De acordo com Roberto, a escolha do texto “A Loucura de Isabella” para a montagem comemorativa se deu por sua importância histórica e por vir de encontro com o momento pelo qual o Brasil passa. “Além de ser um clássico da comédia mundial datado de 1600, é uma obra que, entre outros temas, fala sobre o valor da palavra e do compromisso, algo tão difícil de encontrar nos dias de hoje, tanto entre a sociedade de forma geral, quanto entre a classe política”.

Na adaptação do grupo Arte da Comédia, a indígena Isabella abandona seu marido, um coronel autoritário que a sequestrou antes do matrimônio, encantada pelo charme de um jovem burguês chamado Horácio, filho de um rico empreendedor. Para viver a sua paixão, Isabella não terá que lidar apenas com a fúria do Coronel, a moça ainda deve enfrentar a sedução de Flaminia, antiga namorada de Horácio, provando, dessa forma, se o compromisso do rapaz com ela é realmente verdadeiro.

O espetáculo possui o incentivo do Grupo Positivo, do Hemobanco e do Esteio e os apoios: do Barracão EnCena, da Universidade Federal do Paraná (por meio da Cia de Teatro Palavração), da Padaria América e do Restaurante Sabor da Paixão. As apresentações acontecem de terça a sábado, entre 4 de novembro a 3 de dezembro, na Praça Santos Andrade. Nas três primeiras apresentações, os horários são: dia 4/11, às 18h | dia 5/11, às 17h | dia 6/11, às 11h. De 8 de novembro a 3 de dezembro, os horários serão sempre de terça a sexta às 18h e, aos sábados, às 17h.

 

Serviço:

A Loucura de Isabella

Primeiras apresentações:

Dia 4/11, sexta, às 18h | Dia 5/11,sábado, às 17h | Dia 6/11, domingo, às 11h.

Restante da temporada:

De 8 de novembro a 3 de dezembro.

Terças a sextas, às 18h. Sábados, às 17h.

Local: Praça Santos Andrade

Ingresso: Gratuito

Mais informações: https://www.facebook.com/arte.dacomedia

 

Grupo Arte da Comédia – Fundado em 2006 pelo diretor artístico de origem italiana Roberto Innocente, o grupo pesquisa a comédia clássica e seus tipos universais em busca de personagens e temáticas essencialmente brasileiras. Para tanto, além de estudar profundamente as técnicas teatrais da Commedia Dell’Arte, tem se aprofundado nos aspectos contemporâneos de composição da sociedade brasileira, assim como seus registros históricos e suas manifestações culturais e artísticas. Seguindo esta linguagem, está em seu 10º  espetáculo, já fez 3 participações em óperas líricas italianas, já viajou por diversos locais do Brasil, foi vencedor de quatro troféus Gralha Azul e recebeu diversas premiações em festivais de artes cênicas nacionais. Em 2016, por meio do Programa de Apoio e Incentivo à Cultura da Fundação Cultural de Curitiba, completa a sua primeira década de existência com a montagem inédita do clássico de Flaminio Scala, A Loucura de Isabella.

unnamed-2

camila.canassa@smartcom.net.br

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.