Dynatrace é nomeada líder em APM pelo 7º ano consecutivo

Alimentada por inteligência artificial, a plataforma da empresa é completa e tem funcionalidades de monitoramento criadas para o futuro

A Dynatrace, líder mundial em soluções de Gerenciamento de Performance Digital, anuncia a conquista da liderança em APM (Application Performance Monitoring) pelo 7º ano consecutivo no Quadrante Mágico do Gartner de Monitoramento de Performance de Aplicações, que acaba de ser divulgado. A empresa recebeu o posicionamento mais alto entre todos os fornecedores por sua capacidade de execução e é a única a manter a primeira colocação por sete anos seguidos.

Além disso, a Dynatrace obteve as maiores pontuações de produtos nos casos de uso de Desenvolvimento de Aplicações e Suporte de Aplicações no relatório do Gartner de dezembro de 2016 “Critical Capabilities for Application Performance Monitoring” (Funcionalidades Críticas para Monitoramento de Performance de Aplicações). A companhia também recebeu a segunda maior pontuação para casos de uso de Operações de TI e DevOps.

John Van Siclen, CEO da Dynatrace, acredita que há uma razão crucial pela qual a empresa se diferencia de seus concorrentes hoje: “ninguém investe mais em Pesquisa & Desenvolvimento do que nós. Há quatro anos, conseguimos enxergar um enorme desafio no horizonte – os ambientes de aplicação estavam prestes a se tornar seriamente complexos e impossíveis de monitorar com a abordagem existente. Por isso, logo nos propusemos a nos aprofundar e ampliar nossas funcionalidades de monitoramento para enfrentar o futuro. Hoje, oferecemos uma plataforma completa, com monitoramento auto-discovery alimentado por IA (inteligência artificial), desenvolvido dois anos antes das estratégias de IA dos nossos concorrentes”, afirma. A Dynatrace é a única empresa que possui uma solução capaz de fornecer uma visão histórica completa de cada aplicativo e de cada usuário, em todo o ambiente da aplicação, até as linhas de código e a partir de um único agente.

Como parte de seu plano agressivo para o futuro, nos últimos 12 meses, a Dynatrace estabeleceu alianças estratégicas com os principais fornecedores de Cloud: AWS, Azure, Pivotal e OpenShift, entre outros. A companhia também é a primeira e única a oferecer suporte para OpenStack.

“O APM é uma das áreas mais complexas da tecnologia. A gestão precisa ser constantemente redefinida para abordar todo o movimento e mudanças de todas as partes do ecossistema digital. Acredito que provamos que temos capacidade de fazer mais que isso. É por essa razão que a Dynatrace foi reconhecida como líder no Quadrante Mágico do Gartner”, explica Van Siclen.

Além disso, a empresa tem observado que as decisões de investimento em APM têm saído das operações de TI tradicionais. Essa tendência reflete as prioridades dos negócios modernos, em que a experiência do cliente impulsiona decisões de cima para baixo. “As empresas que atendemos assumem iniciativas digitais e fazem transformações rapidamente, sempre em resposta à crescente demanda e expectativas dos clientes. As organizações precisam desenvolver e liberar novas ofertas e atualizações com rapidez e monitorar com absoluta confiança. A pressão é enorme e os usuários são implacáveis”, diz o executivo.

Publicado em julho deste ano, o relatório do Gartner “Market Share Analysis: Performance Monitoring, Worldwide”, de 2015, classificou a Dynatrace como a primeira colocada, devido, ao que tudo indica, ao crescimento consistente de dois dígitos da empresa. A companhia agora supera seus concorrentes mais próximos em pelo menos US$ 150 milhões1.

Relatório: Market Share Analysis: performance Monitoring, Worldwide, 2015, Gartner, 13 de Julho de 2016.

Gartner Disclaimer

O Gartner não endossa nenhum fornecedor, produto ou serviço descrito em suas publicações de pesquisa e não aconselha os usuários de tecnologia a selecionar apenas os fornecedores com as classificações mais altas ou outra designação. As publicações de pesquisa do Gartner consistem nas opiniões da organização de pesquisa da Gartner e não devem ser interpretadas como declarações de fato. O Gartner renuncia a todas as garantias, expressas ou implícitas, com relação a esta pesquisa, incluindo quaisquer garantias de comercialização ou adequação a um propósito específico.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.