TripAdvisor revela evolução de preços de hotéis brasileiros nos últimos três anos

O TripAdvisor®, site de planejamento e reserva de viagens, anuncia hoje os resultados de estudo que comparou os preços de hotéis brasileiros nos últimos três anos. Segundo os dados, dez regiões do Brasil tiveram queda de tarifas, ficando mais econômicas aos turistas entre 2014 e 2016: Acre, Distrito Federal, Roraima1, Amazonas, Mato Grosso, Pará, Maranhão, Minas Gerais, Espírito Santo e Pernambuco.

Além disso, três Estados tiveram alta de preços em 2015, seguido por queda em 2016, fechando o período sem variação: Rondônia, Tocantins e Goiás. A pesquisa coletou custos de diárias de hotéis de janeiro a novembro de cada ano, utilizando dados de reserva do TripAdvisor para cada região analisada.

Apesar da alta registrada em 14 Estados, o cenário ainda é positivo diante da situação econômica do país. Bahia e Alagoas tiveram a maior alta, com preços subindo 19% entre 2014 e 2016. Porém, no mesmo período, o IPCA2, índice oficial da inflação brasileira, foi de 21%, valor ainda maior que a variação dos hotéis.

“O estudo ajuda os viajantes a planejar com antecedência e escolher o melhor destino para as próximas férias economizando dinheiro”, afirma Claudia Martinelli, porta-voz do TripAdvisor no Brasil. “Em média, hotéis brasileiros ficaram 1% mais baratos de 2014 a 2016. Se estiver buscando por uma opção mais econômica, o turista pode pesquisar as opções de acomodação no TripAdvisor e utilizar os filtros de preços para encontrar a melhor opção.”

Média de preços Variação de preços
Região brasileira 2014 2015 2016 2014 para 2015 2015 para 2016 2014 para 2016
Acre R$ 293 R$ 223 R$ 157 -24% -30% -47%
Distrito Federal R$ 341 R$ 274 R$ 246 -20% -10% -28%
Roraima2 R$ 104 R$ 104 R$ 85 -1% -18% -18%
Amazonas R$ 227 R$ 216 R$ 194 -5% -10% -14%
Mato Grosso R$ 258 R$ 232 R$ 223 -10% -4% -13%
Pará R$ 255 R$ 248 R$ 227 -3% -8% -11%
Maranhão R$ 217 R$ 207 R$ 199 -5% -4% -8%
Minas Gerais R$ 273 R$ 258 R$ 256 -6% -1% -6%
Espírito Santo R$ 227 R$ 233 R$ 219 3% -6% -4%
Pernambuco R$ 355 R$ 342 R$ 346 -4% 1% -2%
Rondônia R$ 188 R$ 195 R$ 187 4% -4% 0%
Tocantins R$ 200 R$ 222 R$ 200 11% -10% 0%
Goiás R$ 253 R$ 259 R$ 254 2% -2% 0%
Paraná R$ 227 R$ 230 R$ 230 1% 0% 1%
Sergipe R$ 231 R$ 242 R$ 235 5% -3% 2%
São Paulo R$ 342 R$ 347 R$ 348 2% 0% 2%
Rio Grande do Norte R$ 268 R$ 280 R$ 273 5% -2% 2%
Rio Grande do Sul R$ 329 R$ 327 R$ 337 -1% 3% 2%
Rio de Janeiro R$ 449 R$ 441 R$ 476 -2% 8% 6%
Ceará R$ 316 R$ 313 R$ 337 -1% 8% 7%
Paraíba R$ 247 R$ 267 R$ 271 8% 2% 10%
Piauí R$ 261 R$ 277 R$ 289 6% 4% 11%
Mato Grosso do Sul R$ 247 R$ 270 R$ 282 9% 4% 14%
Santa Catarina R$ 292 R$ 311 R$ 340 7% 9% 16%
Amapá R$ 196 R$ 232 R$ 230 18% -1% 17%
Alagoas R$ 289 R$ 317 R$ 342 10% 8% 19%
Bahia R$ 340 R$ 360 R$ 405 6% 12% 19%

 

1Roraima não tinha preços para todos os meses pesquisados. A média anual foi calculada de acordo com os dados disponíveis.

2 IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) acumulado no período de janeiro a novembro de 2014, 2015 e 2016, baseado nos dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

 

Metodologia

Média de preços para uma noite com base nos dados de reserva do TripAdvisor entre janeiro e novembro de 2014, 2015 e 2016, para uma amostra local de hotéis. Tarifas foram agregadas de diferentes parceiros de reserva, incluindo agências de viagem on-line e sites dos hotéis.  (julia.boarini@cdn.com.br)

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.