Últimas

Selma Baptista leva choro paranaense no território do jazz do Dizzy Café Concerto

Nesta quarta-feira 18, no Dizzy Café Concerto, a cantora Selma Baptista leva para aquele espaço o show do seu primeiro CD, “Choro encantado”, apresentado há um mês no Teatro da Caixa. O espetáculo prossegue com sessões nesta quinta e nas próximas quarta e quinta-feira, 25 e 26, sempre no horário das 21 horas. É uma oportunidade para quem deixou de ver a estreia no teatro, ou quer repetir a dose no Dizzy.

Muda-se o endereço, mas a montagem é a mesma com as participações de Vicente Ribeiro (direção musical e cavaquinho), Daniel Migliavacca (bandolim), Zélia Brandão (Flauta), Vinicius Chamorro (violão de 7 cordas e Iê dos Santos (pandeiro). A novidade nesta temporada é a inclusão no roteiro de uma música que não foi mostrada no teatro: “Dizzy”, de Ivan Graciano e Gerson Bientinez, com letra de Paulo Vitola. A composição homenageia o bar, apresentado como cenário de um caso de amor.

Uma das intérpretes referenciais da cidade, Selma Baptista chegou ao seu primeiro CD depois de algumas décadas cantando na noite e nos estúdios de gravação, participando dos discos de músicos da cidade. A generosidade teve como retorno o reconhecimento não só da plateia como da classe artística. Ter na carreira o registro musical representou uma importância que ainda não tinha avaliado. Escreveu a artista que, com “Choro Encantado”, ela deixou de ser “apenas uma cantora” para se tornar uma “figura intervalar, plena de significados múltiplos”. O projeto diferenciado incluía vários compositores, arranjadores “e muitos, muitos instrumentistas, como se, num encontro musical, se pudesse buscar esta polifonia, estas ‘vozes’ de todos pertencentes à comunidade de chorões”.

O disco “Choro encantado”, produzido através do Programa de Apoio e Incentivo a Cultura, da Fundação Cultural de Curitiba e da Prefeitura Municipal de Curitiba, com incentivo da Caixa Econômica Federal, reúne composições de músicos residentes em Curitiba, das décadas de 1970 e 1980 a produção recente. O resultado é um passeio de sons e canções pela Curitiba que tem uma tradição pelo choro desde a primeira parte do século passado. Quem for ao Dizzy Café Concerto poderá conferir ao vivo parte desse passeio na voz de Selma Baptista e nos sons dos músicos acompanhantes.

 

Serviço:

Show com Selma Baptista no Dizzy Café Concerto, dias18 e 19 e 25 e 26 de janeiro. Com Vicente Ribeiro (direção musical e cavaquinho), Daniel Migliavacca (bandolim), Vinicius Chamorro (violão de 7 cordas), Zélia Brandão (flauta) e Iê dos Satos (pandeiro). Produção de Alvaro Collaço Produções e Design Próprio, tem incentivo da Caixa Econômica Federal e do Programa de Apoio e Incentivo a Cultura, da Fundação Cultural de Curitiba e da Prefeitura Municipal de Curitiba, tem apoio do Dizzy Café Concerto. Ingressos no local a R$ 10,00 e R$ 5,00. Informações pelo fone 3257-5060.

Escreva um comentário

Seu e-mail não será divulgado


*