Os Correios e a Confederação Brasileira de Rugby (CBRu) assinaram, esta semana, contrato de patrocínio esportivo para o período de dois anos. Assim, os Correios passarão a ser um dos principais patrocinadores do rugby brasileiro.

O presidente dos Correios, Guilherme Campos, afirma que a assinatura do contrato de patrocínio com a Confederação Brasileira de Rugby, além de ser importante para dar visibilidade às marcas Correios e SEDEX, ajuda a fomentar o esporte no País e auxilia no desenvolvimento de ações sociais relacionadas à prática esportiva. “Desde 2010 o rugby vem apresentando forte crescimento no Brasil. Em nível mundial, a Copa do Mundo de Rugby é o terceiro maior evento esportivo, ficando atrás somente dos Jogos Olímpicos e da Copa do Mundo de Futebol. A confederação é exemplo de boas práticas em gestão esportiva. Estamos animados em fazer parte do crescimento e da divulgação da modalidade no País”, defende.

Segundo Agustin Danza, CEO da CBRu, o patrocínio dos Correios contribuirá para aumentar a visibilidade do rugby brasileiro. “Estamos muito orgulhosos e felizes de poder contar com o apoio de uma empresa como os Correios, reconhecida no mercado pelo seu trabalho constante de longo prazo para o crescimento do esporte brasileiro. Com esse apoio, teremos chances ainda maiores de poder atingir nossos objetivos estratégicos e colocar o rugby brasileiro como um esporte de relevância no Brasil e no mundo”, explica.

De acordo com a Kantar Ibope, no ano de 2016 a CBRu teve a maior audiência média em mais de 70% dos mercados avaliados na RedeTV e a melhor performance nas principais praças desse canal. Adicionalmente, a CBRu aumentou em 450% o valor do seu espaço ocupado na mídia, de R$ 24 milhões, no primeiro semestre de 2015, para R$ 130 milhões, no mesmo período de 2016, o que demonstra incremento constante na exposição da marca, na audiência e no retorno para seus patrocinadores.

Além do rugby, os Correios patrocinam os desportos aquáticos, o tênis e o handebol brasileiros. <prascomimprensa@correios.com.br>

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Talvez você se interesse por estes artigos.

Para os proprietários de empresas, encontrar clientes é um problema muito sério Se você parar e pensar no preço que está pagando para atrair compradores...
Fechar Menu