Lentes de contato e o desconforto em viagens de avião

A reclamação é frequente nos consultórios oftalmológicos, principalmente no período de férias; saiba quais os sintomas, porque isso ocorre e as dicas de um especialista para lidar com o problema

Usuários de lentes de contato que viajam de avião podem sentir um desconforto em seus olhos, sobretudo em voos mais longos, nos quais se passam diversas horas dentro da aeronave. Segundo o médico Arthur Schaefer, da Clínica Schaefer, de Curitiba, essa é uma reclamação frequente nos consultórios oftalmológicos no período de férias.

Ele explica que as lentes de contato já absorvem certa quantidade da umidade das lágrimas e, associado à alta pressão e ao ar seco dentro da cabine da aeronave, pode ocorrer uma desidratação dos olhos, fazendo com que as lentes pareçam menos confortáveis que o habitual.

Sensação de areia nos olhos, irritação ocular e queimação são alguns dos sintomas relacionados ao ressecamento ocular. Mas em alguns casos podem ser ainda mais severos, causando sensibilidade à luz, desconforto e vermelhidão, além de embaçamento visual. “Quanto mais intensos esses sintomas, mais eles afetam a qualidade de vida e o bem-estar durante o voo, tornando a experiência da viagem um verdadeiro desastre”, diz Arthur Schaefer.

Causas da irritação

* A umidade relativa do ar reaproveitada de dentro dos aviões pode ser comparada à regiões de clima árido e semiárido, pois gira em torno de 9 e 30%;

* Uso de computadores, tablets ou celulares por tempo prolongado também contribuir para aumentar a irritação;

* Privação de sono.

Como evitar o desconforto

* Veja algumas dicas para uma viagem mais confortável:

* Caso seu Oftalmologista indique, use colírios lubrificantes, compatíveis com lentes de contato gelatinosas ou rígidas para aliviar o ressecamento dos olhos;

* Peça orientação ao seu Oftalmologista sobre quais produtos utilizar;

* Beba bastante água para se manter sempre hidratado;

* Leve seus óculos e o estojo das lentes de contato caso para tirar as lentes de contato no caso do desconforto aumentar;

* Retire as lentes de contato se quiser dormir.

* Antes de tocar em seus olhos ou lentes de contato, lembre-se de lavar suas mãos com sabonete, enxágue bem e seque-as com uma toalha livre de fiapos.

* Considere também a possibilidade de trocar o par de lentes de contato quando chegar ao seu destino, para obter o máximo de conforto e assim aproveitar da melhor maneira a sua viagem.

Dr. Arthur Schaefer, especialista da Clínica Schaefer, de Curitiba (Divulgação)

Serviço
Oftalmologista Arthur Schaefer (CRM 22.204)
Site: http://www.schaefer.com.br
Clínica Schaefer Oftalmologia e Neurologia
Endereço: Avenida Getulio Vargas, 2932, Água Verde, Curitiba/PR
Fone: (41) 3027-3807

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.