Saiba como fugir da dor de cabeça matinal proveniente do estômago

Você já deve ter ouvido alguém falar que o café da manhã é a refeição mais importante do dia e que fazer uma alimentação reforçada nesse período é uma recomendação importante para se evitar desconfortos estomacais e ganhar energia necessária para um dia saudável cheio de atividades. Uma pesquisa nacional encomendada por ENO e Sonrisal ao instituto de pesquisa IPSOS Brasil mostra que é exatamente nesse turno – antes da primeira refeição do dia – o momento em que as dores de cabeça provenientes do estômago mais acontecem[1].

A Dra. Ana Santoro (CRM.: 5247120-3), gerente médica da GSK no Brasil, explica como podemos evitar esse tipo de desconforto logo pela manhã e torna o primeiro horário do dia mais agradável e menos doloroso. Essas dores podem ser atribuídas à alimentação pesada logo cedo, momento em que o estômago se encontra vazio e mais sensível, ou por pessoas que exageram na alimentação na noite anterior[2].  Para ambos os casos, uma alimentação leve no café da manhã é a principal recomendação.

“Quando acordamos nosso estômago está vazio e uma alimentação pesada com a ingestão excessiva de alimentos, como cafeína – presente no café e no mate –  por exemplo, pode desencadear os sintomas”, explica.

 

Muito tempo sem comer também faz mal

Permanecer com o estômago vazio pela manhã e até no final da tarde também pode acarretar naquela dor de cabeça chata que parece ter surgido do nada. Segundo a doutora, o jejum prolongado provoca acidez no estômago e, em muitas vezes, dor de cabeça.[3]

Quando a dor de cabeça e a azia aparecem, no entanto, uma outra forma de combatê-la é com a utilização de antiácidos e analgésicos, alguns inclusive específicos para esses sintomas associados – azia mais dor de cabeça.

“Uma das formas de combater o problema é utilizar medicamentos que contenham ácido acetilsalicílico. Um dos principais é o Sonrisal, disponível hoje nas farmácias de todo o Brasil. Sonrisal possui efeito 2 em 1, que combate a azia e a má digestão ao mesmo tempo em que dribla a dor de cabeça. Para isso é recomendado é tomar 1 a 2 comprimidos dissolvidos em um copo pequeno de 200ml. Qualquer sintoma que se torne persistente deve ser investigado e acompanhado por um médico. O produto não é indicado em casos de suspeita de dengue”, comenta a médica. <AndreLuiz.Barros@edelmansignifica.com>

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.