Venda porta a porta chega ao mercado pet

Curitiba vai capitanear uma proposta inédita no Brasil dentro do mercado pet: a criação de um sistema de vendas diretas binível de produtos para cachorros e gatos. A iniciativa é dos empresários Sandra Schuster, Flávio Pigatto e Juliano Cortes que lançam este mês a marca docg. Os três têm larga experiência no mercado de produtos e serviços para animais. Sandra e Flávio são os fundadores da DrogaVET, maior rede de farmácias de manipulação veterinária no Brasil, e Juliano é franqueado DrogaVET há mais de 10 anos.

O projeto une dois grandes setores em crescimento, mesmo num cenário de crise: o mercado pet e o de vendas diretas. A cada mês no Brasil 3.000 novas pessoas aderem ao trabalho de vendas porta a porta. De acordo com a Associação Brasileira de Empresas de Vendas Diretas (ABEVD), em 2015, já eram 4,6 milhões de profissionais atuantes somando R$ 41,6 bilhões em volumes de negócios. E o setor pet também segue em alta. Em 2016, a Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet) estima que o mercado pet nacional deve ter chegado a R$ 19 bilhões em faturamento, um crescimento de 5,7% em relação ao ano passado. Isso significa que o setor tem, praticamente, o mesmo peso no Produto Interno Bruto (PIB) que a linha branca (fogões, geladeiras, máquinas de lavar).

Os sócios investiram mais de dois anos na construção do projeto e na contratação de diversas consultorias de renome que resultaram no modelo de negócio e nos produtos com a marca docg. São cosméticos como shampoos, condicionadores, finalizadores, banho seco, creme para patas, perfumes e também uma linha dedicada aos profissionais de beleza e estética animal.

O tamanho e a variedade do catálogo não ficam atrás de outras grandes marcas de cosméticos tradicionais que trabalham com venda porta a porta. Além dos produtos com a marca docg., itens de marcas parceiras como petiscos, alimentos úmidos, acessórios, brinquedos e camas também serão ofertados. “Nossa proposta é melhorar a qualidade de vida dos animais, por isso visamos inovar e ampliar ainda mais a oferta de itens. Futuramente novos produtos, inclusive importados, farão parte do nosso catálogo” comenta Sandra.

E a possibilidade de renda, trabalho autônomo e flexibilidade de horários parece estar atraindo os apaixonados por animais. Na primeira etapa de divulgação de cadastro de potenciais consultores, a docg. superou a expectativa de interessados recebendo mais de 400 inscritos. “Nossa intenção é trabalhar com cerca de 500 consultores até o final do primeiro quadrimestre de atividades”, revela Juliano. Pet shops, serviços de banho e tosa e consultórios veterinários também podem se tornar consultores cadastrando uma equipe em sua rede binível. “Planejamos uma empresa com foco na sustentabilidade e que pudesse promover qualidade de vida também para quem trabalha nela. A partir daí a ideia de criar um sistema de vendas diretas foi natural.  Os consultores podem começar a trabalhar com um pequeno investimento na compra do kit inicial. Com a venda deste primeiro kit já começam a lucrar”, comenta Juliano. “No momento que o país está vivendo, esta será certamente uma opção de renda para quem busca melhorar seu padrão de vida.”

Inicialmente a empresa irá atuar com foco principal na praça de Curitiba e Região Metropolitana e em breve expandirá para novas praças. O projeto da empresa contempla ainda a venda por e-commerce e sistema de franquias.

 

Produtos

Hoje o Brasil possui mais de 132 milhões de animais de estimação, de acordo com dados do IBGE de 2013. Calcula-se que os lares brasileiros possuam mais de 52 milhões de cães e 22 milhões de felinos. Já são mais cachorros em casa do que crianças. Quando iniciaram o projeto de criação da docg., a ideia dos fundadores era desenvolver produtos diferenciados para esses animais. “Nestes 13 anos de experiência com saúde pet identificamos a necessidade de produtos mais adequados ao tipo de pele e pelos dos animais para uso no dia a dia”, comenta Sandra.

Todos os shampoos possuem PH balanceado e contém deoplex, um ativo neutralizador de odores que garante maior durabilidade ao banho. “Assim como as pessoas buscam produtos mais naturais, que agridam menos seus cabelos, os animais também merecem esses benefícios. Por isso, as fórmulas dos shampoos são livres de parabenos, vaselina ou óleos minerais”, revela Sandra.

Segundo a empresária, as fragrâncias dos shampoos e condicionadores são exclusivas e os demais componentes das fórmulas selecionados conforme cada tipo de pelo: pelos longos, curtos, oleosos, com frizz, claros e escuros. Há também a linha para filhotes e o banho seco. Para finalizar o banho, os pets contam ainda com óleo e sprays que proporcionam hidratação, brilho e valorizam a cor da pelagem, e perfumes produzidos com fragrâncias da empresa suíça Firmenich.

Outro destaque na linha de produtos é o creme hidratante para cotovelos e patas formulados com d-pantenol. Cães que costumam caminhar bastante ou de grande porte, que sofrem com o atrito dos cotovelos no chão, são o público prioritário deste produto. “Tínhamos como meta criar produtos de alta qualidade e com diferenciais não encontrados no mercado, respeitando a individualidade de cada animal”, finaliza Sandra.

Mais informações: www.docg.com.br

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.