Cuidados de beleza fazem a cabeça dos jogadores de futebol

Além da habilidade profissional, os jogadores de futebol são conhecidos pela vaidade e costumam se destacar pelos cabelos diferentes e sobrancelhas sempre alinhadas.  Ligados em tendências de moda e esbanjando estilo, gostam de estar impecáveis quando entram em uma partida ou são escalados para uma entrevista coletiva. Mas não são apenas os jogadores de futebol que estão preocupados com os cuidados estéticos, os homens no geral estão mais vaidosos, de acordo com Luzia Costa, esteticista e presidente da rede Sóbrancelhas, especializada no embelezamento do olhar e da face, os homens representam cerca de 20% do público de suas lojas, número 15% maior que em 2015. Apesar de crescente, a representatividade masculina no setor ainda é baixa, ou seja, ainda tem muito espaço para crescer no mercado. “A sobrancelha é o cartão de visitas do rosto, fazer o design e modelar de acordo com o formato da face pode mudar uma pessoa, além de trazer bem-estar e elevar a autoestima dos homens”, afirma a esteticista, que possui cerca de 200 unidades espalhadas pelo Brasil e já desembarcou na Argentina. Quando falamos no serviço voltado para homens, são respeitadas as medidas do rosto masculino e o trabalho é voltado para eles, diferente da modelagem feminina, no qual costuma-se retirar mais pelos, modelar e muitas vezes arquear. Além das sobrancelhas, cuidados com a pele, cabelo e unhas estão no radar masculino.

Entre os boleiros, quando o assunto é cuidados de beleza, o destaque vai para o melhor jogador do mundo, Cristiano Ronaldo, sinônimo de elegância e estilo.  Nesse âmbito não podemos deixar de fora o goleiro suíço Diego Benaglio, que foi assunto no quesito vaidade na Copa do Mundo do Brasil e o meia Mario Gotze, de 24 anos, campeão com a seleção da Alemanha, em 2014, que só aparece de cabelos e sobrancelhas alinhados. Entre os brasileiros, o atacante da seleção Neymar Junior e o ex-santista Gabigol, são referência e estão entre os jogadores que mais prezam pela aparência.  <marcella.rodrigues@economidia.com.br>

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.