Mais de 100 mil brasileiros acessaram golpe via WhatsApp em 48 horas, alerta PSafe

Uma campanha falsa prometendo vale-presente no valor de R$500 nas lojas Pernambucanas é o novo golpe de hackers para enganar usuários de dispositivos móveis. De acordo com a PSafe, empresa brasileira líder em segurança e performance mobile, a armadilha está sendo disseminada via WhatsApp e já afetou mais de 100 mil pessoas em 48 horas.

Segundo especialistas da companhia, o golpe segue o padrão de ataques no WhatsApp: o usuário recebe uma mensagem de contatos conhecidos ou de algum grupo do WhatsApp, convidando a clicar no falso anúncio. A mensagem utiliza o mês do Dia das Mães como chamariz para atrair a vítima, alegando que ainda é possível presentear sua mãe com um vale compras das lojas Pernambucanas no valor de R$500.

Ao clicar no link com a falsa promoção, o usuário é direcionado para uma página que afirma que ele foi selecionado para ganhar o voucher e gastar em qualquer loja Pernambucanas até o dia 20/05. Porém, para liberar o “vale-presente”, ele é orientado a compartilhar o link do cupom com dez amigos ou três grupos diferentes via WhatsApp. Para que o usuário realmente compartilhe o golpe e o cibercriminoso consiga disseminar com maior velocidade o seu golpe, atingindo um maior número de vítimas, são mostradas instruções com o passo a passo de como ele deve proceder.

Em seguida, o usuário é encaminhado para se cadastrar em sites maliciosos – que efetuam cobranças indevidas – ou a baixar apps falsos, que podem infectar o smartphone e deixa-lo vulnerável a outros tipos de crimes ou prejuízo financeiro. O ataque ainda conta com comentários de falsos usuários elogiando a promoção como “Obrigada, vai ser um presentão para minha mamãe” e “ Já usei o meu hoje. Valeu”, com o intuito de validar o golpe.

Para não se tornar uma vítima de hackers, o gerente de Segurança da PSafe, Emilio Simoni, reforça a necessidade dos usuários de smartphone terem sempre um antivírus com a função ‘antiphishing’ instalada, garantindo desta forma uma navegação segura na internet. “Esse tipo de golpe tem se tornado cada vez mais comum. Para se ter ideia, nosso aplicativo PSafe DFNDR bloqueia, todos os dias, mais 800 mil páginas falsas, impedindo que os usuários sejam infectados, tenham seus dados confidenciais roubados ou prejuízos financeiros”, alerta.

Além disso, é aconselhável adotar um comportamento preventivo ao navegar na internet. A PSafe recomenda, por exemplo, manter o sistema operacional dos smartphones sempre atualizado, só fazer download de apps em lojas oficiais, como a Google Play, e desconfiar de promoções exageradas que chegam por mensagens, checando sempre se a promoção é real, ao entrar em contato diretamente com a empresa.

giulia.jubelini@zenogroup.com

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.