“Máquina sem palavras”, de Guilherme Zawa, propõe novos usos para a fotografia

A Exposição “Máquina sem palavras”,  de Guilherme Zawa, é uma mostra da arte engajada como pesquisa filosófica e antropológica.

Zawa propõe decodificar o instante fotográfico em seus vários aspectos. Desde uma cena retratada por ele, até o descompasso entre o ambiente e a figura apresentada apenas através de silhuetas que então passam a habitar o espaço. É como se Zawa transfigurasse a máquina fotográfica em um novo sentido humano: tato, olfato, visão, paladar, audição e fotografia – a percepção cinestésica de um instante.

O artista curitibano decompõe imagem e percepções maquinais e, a seguir, reconstrói sua impressão pessoal daquilo que foi vivido e desconstrói essa mesma imagem com o mesmo procedimento que a máquina digital a constrói. Seu processo é fruto de uma pesquisa pessoal e pode ser vista desde sua primeira exposição em 2010.

A exposição tem curadoria de Paulo Gallina, curador independente, com passagens pelo MIS – SP, MAC-USP e Instituto Tomie Ohtake.

“A investigação sobre a memória, a passagem do momento em uma imagem estática e sobre os processos cognitivos na arte são possíveis descrições sobre este projeto de múltiplas leituras e que dialoga entre o abstrato e o real.

Além da abertura que acontece no dia 18 de maio, às 19:30, a exposição contará também com bate-papo com o curador Paulo Gallina seguido de visita guiada no sábado 20 de maio às 17 horas e filmagens realizadas pelo artista Guilherme Zawa ao longo da exposição.

Curadoria:
Paulo Gallina

Texto:
Silvio Crisóstomo,
Paulo Gallina
e Guilherme Zawa.

Produção:
Ana Rivelles

Assessoria:
Virá Comunicação

Impressão:
Ateliê Guilherme Ternes

Apoio:
Fundação Cultural de Curitiba / Prefeitura de Curitiba.

Serviço:

Exposição “Máquina sem palavras” de Guilherme Zawa.

Local: Museu da Fotografia de Curitiba

Data de abertura: 18 de maio, 19h30.

Museu da Fotografia: Solar do Barão – Rua Presidente Carlos Cavalcanti, 533. Centro.

Horários de visitação: 9h às 12h e 13h às 18h (terça a sexta) e 12h às 18h (sáb, dom e feriado)

Contato: 41. 3321.3247

Curadoria: Paulo Galina

Produção: Ana Rivelles

Apoio: Fundação Cultural de Curitiba/Prefeitura de Curitiba.

Evento Facebook: https://goo.gl/xHcgWy

<anarivelles@gmail.com>

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.