Curitiba ganha primeira Hamburgueria Le Pinguê

Um espaço bem localizado, que reúne boa comida, ambiente agradável, conforto e variedade em opções de lanches para todos os gostos e bolsos. A primeira Hamburgueria Le Pinguê da capital paranaense abre suas portas na próxima quarta-feira (31/5), no Rebouças. Localizada na Rua Chile, 1651, conta com estacionamento, espaço kids e, o mais importante, já chega com um conceito de qualidade na produção de hambúrgueres artesanais reconhecido no mercado brasileiro.

Com apenas dois anos de atuação, a rede de São José do Rio Preto, interior de São Paulo, já conta com 25 lojas em quatro estados brasileiros. No Paraná, a primeira unidade foi inaugurada em Londrina. Após faturar R$ 13,2 milhões no ano passado, mesmo diante de um cenário de incertezas econômicas – a Le Pinguê foi a rede que mais cresceu no segmento em 2016 -, a previsão é otimista. A marca pretende fechar o ano com 40 lojas abertas pelo país.

A unidade curitibana será administrada pelos sócios Paulo Pinto e Diego Franke, engenheiros que apostaram na franquia da rede como uma boa possibilidade de mudar de ramo e dar uma guinada na vida profissional. No total, eles estão investindo R$ 250 mil no empreendimento, mais verba para capital de giro. A expectativa de retorno é de dois anos. A loja deve gerar 14 empregos diretos em dois turnos de funcionamento.

O crescimento meteórico da rede se explica pelo cuidado no processo de fabricação artesanal dos produtos. A Le Pinguê trabalha apenas com matéria-prima de qualidade. A carne utilizada nos hambúrgueres é fornecida exclusivamente pela Wessel, de São Paulo – referência nacional em carnes especiais com mais de 100 anos de tradição no ramo. Os sanduíches do menu seguem à risca as recomendações dos chefs da rede, que se inspiraram em combinações inusitadas de ingredientes de diversas partes do mundo em suas criações.

Cada detalhe na produção dos lanches é minuciosamente pensado para compor o melhor sabor na melhor apresentação. São opções com 190 gramas de hambúrguer harmonizadas com produtos para todos os paladares, dos mais refinados, passando pelos aficionados por carnes dos mais variados tipos, até os consumidores vegetarianos, que não abrem mão de um bom lanche preparado com ingredientes frescos e uma combinação harmônica e criativa. A culinária de diferentes etnias está representada no cardápio da rede, que traz sabores do Brasil, Japão, Argentina e Inglaterra, num mix que alia sofisticação e ingredientes nobres.

Outro diferencial da Le Pinguê é que toda semana é lançada uma novidade no cardápio, que fica disponível por 15 dias. Uma espécie de edição limitada que permite ao cliente experiências únicas. Além de produtos à base de carne bovina, sanduíches de porco e carneiro fazem parte deste rodízio de opções. Já o menu principal é composto 12 pratos, entre lanches e acompanhamentos. O principal destaque da casa é o Le Pinguê, sanduíche feito com pão de mandioca, hambúrguer, queijo derretido, molho de tomate italiano e chimichurri argentino. Também fazem sucesso o hambúrguer de costela e o de salmão.

Outra vantagem é a versatilidade dos lanches. Todas as opções podem trocadas por sua versão vegetariana, com hambúrguer de shitake. Todos os molhos e a maionese são preparados na casa e na hora. Há ainda as deliciosas opções de Milk Shake, nas versões ovomaltine e doce de leite com nozes. A hamburgueria ainda mantém parceria com os melhores fornecedores de bebidas, incluindo

sucos, refrigerantes, mate e cervejarias. De segunda a quinta-feira, tem a promoção chope em dobro, no período da noite. O estacionamento no local é gratuito.

 

Projeto arquitetônico

A loja de 180 metros quadrados e capacidade para até 90 pessoas está estrategicamente localizada em região de grande fluxo de estudantes, por concentrar escolas e faculdades nas proximidades, e também, em área residencial. O prédio foi totalmente reformado para receber a primeira Le Pinguê de Curitiba, com layout da rede, que é um encanto aos olhos. O projeto é assinado pelo arquiteto Sidney Neves, de São José do Rio Preto, responsável pelo visual de todas as lojas da marca.

“Mesclamos materiais que remetem a uma arquitetura rústico-moderna. Utilizamos um mix como o tijolinho, o porcelanato de cimento queimado, a iluminação indireta e painéis de MDF de madeira rústica para tornar os ambientes aconchegantes”, explica Neves.

As instalações abrigam dois diferentes espaços. O piso inferior concentra o bar, com amplo balcão com banquetas para lanches rápidos e onde é servido o chope. O local é rodeado de mesas com sofás confortáveis para quem prefere se acomodar e apreciar o movimento externo. Já o piso superior é mais reservado. Ideal para quem vai aproveitar momentos em família, conta com brinquedoteca para deleite dos pequenos. Uma área externa oferece uma vista privilegiada da cidade e é convidativa nos dias mais quentes.

E como os pinguins são a marca registrada da Le Pinguê, não poderia faltar uma coleção de mimos disponíveis aos clientes. Além da decoração que traz os simpáticos bichinhos na fachada externa, e também, internamente, no salão e na identificação visual dos toaletes, bonés, copos e bichinhos de pelúcia da FOM personalizados serão comercializados na loja.

A hamburgueria terá um programa de fidelidade que já começa a valer na inauguração. A cada lanche, o cliente recebe um voucher Le Pinguê. A cada dez lanches, ganha um.

 

Serviço:

O horário de funcionamento será de segunda-feira a sexta-feira, das 11 horas às 16 horas; e das 17h30 às 23:30; sábados, domingos e feriados, até a meia-noite.

comunica3@savannah.com.br

Crédito das fotos para: Marcelo Elias

1 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.