Lapa inaugura “Receptivo Turístico” e marca um novo tempo para o turismo da cidade

Cerimônia será neste sábado (10 de junho), a partir das 10 horas

Como parte das comemorações dos 248 anos da histórica Lapa, neste sábado (10), a partir das 10 horas, será inaugurado o “Receptivo Turístico”, construído numa área de 283 m², junto ao Parque Linear, na entrada principal da cidade e próximo ao trevo que ostenta o painel de Poty Lazarotto. O equipamento passará a integrar o conjunto de atrativos turísticos e culturais do município e contará com espaço para o acervo dos tropeiros e venda de lembrancinhas, recepção, miniauditório e banheiros.

A cerimônia contará ainda com a abertura da exposição “Lapa em bico de pena”, do artista Di Magalhães, e apresentações musicais da Casa da Música. A Secretaria Municipal do Desenvolvimento Econômico, ao lado da professora Silvana Souza, do programa de mestrado da Universidade Federal do Paraná (UFPR), aproveitará a ocasião para lançar o planejamento estratégico de turismo do município e detalhar ações e propostas para o segmento.

O vice-prefeito da Lapa e secretário do Desenvolvimento Econômico, Joacir Gonsalves, destaca que o planejamento estratégico irá nortear todas as ações voltadas e correlatas ao turismo da cidade e dará assim a tranquilidade e segurança para os empreendedores locais, que são partícipes diretos, inclusive no protagonismo das propostas.

De acordo com o diretor de turismo da Secretaria, Márcio Assad, o projeto é marcado pela ousadia e responsabilidade. Como empresário no ramo do turismo e com expertise no setor público, ele revela que sem uma ampla parceria com outras instâncias de governo, empresas privadas, estabelecimentos de ensino superior, fundações, institutos, segmentos do terceiro setor e comunidade, os municípios ficariam restritos a promover apenas o ABC do turismo, ou seja, ações básicas. “Este plano estratégico, desenvolvido com base nas proposições desses segmentos, nos levará muito além, pois amplia enormemente as frentes a serem atendidas, reposicionando o poder público como um dos parceiros importantes no processo e não o único responsável pela condução dos rumos”, assegura Assad.

A manhã de sábado na Lapa ainda contará com a apresentação do programa “Educação, Promoção da Saúde e Sustentabilidade com a população da Área Remanescente Quilombola Vila Esperança”, desenvolvido pelo município em parceria com os alunos do mestrado da Universidade Positivo, e dos resultados do projeto “Vem pra Lapa”, da Associação Gastronômica Sabores da Lapa.

Inauguração faz parte dos 248 anos da Lapa

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.