Ânimo dos consumidores para o terceiro trimestre de 2017 apresenta queda em relação ao trimestre anterior

A disposição de quem deseja voltar às compras acusa uma discreta redução para os meses de julho a setembro

 

Os resultados da intenção de compra para o terceiro trimestre de 2017 mostram que os efeitos do recrudescimento da crise política recente se fazem sentir também por meio das disposições de quem deseja comprar os principais bens de consumo.

É isso o que aponta a Pesquisa Trimestral de Intenção de Compra do IBEVAR – PROVAR. De fato, o indicador construído com base nas declarações referentes às intenções de compra mostrou que, embora o percentual das pessoas que pretendem comprar nos próximos três meses do ano (38,6%) seja ligeiramente maior do que o registrado no mesmo período de 2016 (37,0%), agora, situa-se abaixo do apresentado no segundo trimestre de 2017 (40,0%).

“O novo número, um pouco melhor do observado no terceiro trimestre do ano passado indica que as condições para as compras estavam, aparentemente, melhorando. Mas, tal tendência foi invertida – abaixo do trimestre imediatamente anterior – certamente em razão das incertezas provenientes do quadro político”, explica o presidente do Conselho do IBEVAR-PROVAR, Prof. Claudio Felisoni de Angelo.

A condição mais favorável comparando os terceiros trimestres desse ano e de 2016 está relacionada a um conjunto de fatores que favorecem as disposições de compra e as compras propriamente ditas. O recuo dos preços e a redução das taxas de juros na ponta explicam essa evolução. “Examinando o orçamento das famílias, observa-se que, no segundo trimestre de 2016, sobrava, depois de computadas todas as despesas, 6% e, agora, sobra um pouco mais: 7%. Entretanto, dado o que se espera para as compras, ou seja, queda, conclui-se que essa sobra será mantida como reserva para amenizar a volatilidade do atual cenário político”, afirma o diretor de pesquisas do PROVAR, Prof. Nuno Fouto.

Tais conclusões sugerem que a esperada recuperação tímida das vendas do varejo em 2017, considerando as condições presentes, seja vista com mais cautela. “Nos primeiros meses de 2017, observou-se um pequeno crescimento, com tendência de estabilidade. Agora, diante do que vem acontecendo, aumenta, e muito, a probabilidade de haver uma redução das vendas reais em 2017 em relação a 2016”, finaliza o presidente do Conselho do IBEVAR-PROVAR, Prof. Claudio Felisoni de Angelo.

A “Pesquisa Trimestral de Intenção de Compra IBEVAR – PROVAR” também conta com o apoio da Epistemics e inclui, ainda, um estudo do comportamento de compra dos indivíduos com base nas manifestações postadas na Internet realizado pela E-bit.

 

Sobre o IBEVAR

O IBEVAR – Instituto Brasileiro de Executivos de Varejo e Mercado de Consumo – é uma instituição sem fins lucrativos, que se propõe a produzir conteúdo no setor de Varejo & Consumo, promover networking entre executivos que atuam nessa área e gerar negócios entre os participantes. O IBEVAR conta com o apoio de conteúdo do PROVAR/FIA e da Academia de Varejo, da UBS-Escola de Negócios, que auxiliam na construção de conhecimento dos associados.

www.ibevar.org.br

 

Sobre o Labfin-PROVAR

Programa resultado da fusão, em 2008, de dois centros de referência em pesquisa, consultoria e educação executiva da Fundação Instituto de Administração (FIA), LABFIN – Laboratório de Finanças, presidido pelo Prof. Dr. José Roberto Securato (FEA-USP,) autor de diversos livros na área financeira, além de ser um dos mais respeitados professores de finanças do país – e PROVAR – Programa de Administração de Varejo, presidido pelo Prof. Dr. Cláudio Felisoni de Angelo (FEA-USP), autor de diversos livros sobre varejo, além de ser criador e divulgador do Ranking IBEVAR.

www.provar.fia.com.br

 

Sobre a E-bit

Destaque no desenvolvimento do comércio eletrônico no Brasil, sendo reconhecida como a mais respeitada fonte de informações de e-commerce, com mais de 20 milhões de pesquisas coletadas desde 2000, em mais de 20.000 lojas virtuais afiliadas. A partir de 2008, amplia sua atuação na América Latina nos seguintes países: Argentina, Chile, Colômbia e México.

www.ebit.com.br

 

Sobre a Epistemics

A Epistemics é uma empresa de monitoramento e análise de informações (Big Data). Baseia-se em processamento e análise de grande massa de dados examinados a partir da aplicação de técnicas linguísticas (Natural Language Processing) de modo a decodificar o sentido das manifestações.

www.epistemics.com.br