Bizinelli , Um homem abaixo da lei no Teatro Zé Maria

Conhecido por comédias que retratam o cotidiano do curitibano, Fábio Silvestre  apresenta a partir desta quinta-feira (13/07), às 20 horas, no Teatro Zé Maria, sua nova peça: “Bizinelli – um homem abaixo da lei”. O espetáculo narra a história do detetive Bizinelli que finalmente tem um grande caso nas mãos, uma investigação que envolve políticos, empreiteiras, travestis, delatores, uma loira misteriosa e um juiz que vive na região do Bacacheri. A peça fará apenas quatro apresentações, de quinta a sábado, as 20 horas, e domingo as 19 horas.

Fábio Silvestre já é nome conhecido na comédia brasileira por suas atuações em programas da TV, como A Praça É Nossa no SBT e Treme Treme no MULTISHOW, e tambem por espetáculos em que atuou e escreveu como “O Bêbado” em cartaz há 15 anos com mais de 100.000 pessoas, “Curitiba em Comédia”, o solo “MIM” e recentemente a comédia medieval com referências do Monty Python, “As Fabulosas Desventuras de Umberto Godofredo”.

“Diferente do que fiz nos outros espetáculos, onde os personagens tinham grandes momentos pra contar suas histórias, o grande protagonista é mesmo o Bizinelli e os personagens vão surgindo aos poucos em diálogos curtos ou em breves depoimentos. Vão ser muitos, mas como ainda estou finalizando o texto, ainda não sei dizer quantos”, afirma Silvestre.

A história se passa em uma pequena sala no entorno do Terminal Guadalupe, onde apesar dos 6 meses de aluguel atrasado, vive e trabalha Bizinelli, Leonel Bizinelli. Detetive Particular, pelo menos é o que está escrito em sua porta e em seus cartões de visita. Formado pelo Instituto Universal Brasileiro em um curso por correspondência nos anos 80.

“Dois filmes me inspiraram a criar um detetive mequetrefe. O filme espanhol Torrente, El Brazo Tonto de La Ley e a produção inglesa da Netflix, Midnhorn. A partir deles decidi investir no personagem e no universo dos detetives particulares já vistos em tantos filmes, séries, livros, HQs. Depois dei início ao processo de descobrir quem seria o meu detetive. Não queria um nome como Farofino ou algo do gênero. Queria um nome como num conto do Rubem Fonseca, um sobrenome forte. Pensei em vários, mas o que mais causava risadas foi o Detetive Bizinelli e ficou. Em Curitiba existe a referência a marca da linguiça, mas o escolhi por que achei um nome sonoro para um detetive”. diz Silvestre

 

SERVIÇO:

Bizinelli – Um Homem Abaixo da Lei

Texto – Direção – Interpretação: Fábio Silvestre

Teatro Zé Maria – o Teatro da Classe

de 13 a 16 de Julho.

De Quinta à Sábado às 20 horas e Domingo às 19 horas.

Ingressos: R$30,00 inteira e R$15,00 para estudantes, maiores de 65 anos, doadores de sangue com carteirinha atualizada e promoções de redes sociais.

Venda pelo www.diskingressos.com.br e pelas bilheterias do teatro e do Teatro Guaíra.

Rua 13 de Maio, 655 – São Francisco

Informações pelo 41 3324-8208

alissondiniz@gmail.com