Juiz federal do Paraná será homenageado em Brasília pelo STJ

Magistrado e cidadão, jornalista e escritor, professor e deputado federal, servidor público e advogado, Manoel de Oliveira Franco Sobrinho era um homem múltiplo

O juiz federal Manoel de Oliveira Franco Sobrinho (1916-2002) será homenageado em solenidade comemorativa dos 50 anos (Jubileu de Ouro) de nomeação dos primeiros juízes federais após a reinstalação da Justiça Federal no Brasil, pelo presidente Castelo Branco, em 1967, e que havia sido extinta no governo de Getúlio Vargas.  A cerimônia será realizada no dia 7 de agosto, às 14 horas, na sede do  Conselho da Justiça Federal, em Brasília.

Magistrado e cidadão, jornalista e escritor, professor e deputado federal, servidor público e advogado, Manoel de Oliveira Franco Sobrinho era um homem múltiplo. Ilustre paranaense desempenhou suas atividades com profunda dedicação, honestidade, dignidade, competência, paixão, protagonismo, ardor cívico e incansável defesa das causas paranistas. Ao longo de seus 86 anos de vida se consagrou em face de tudo que pensou e fez em todos os ofícios que escolheu exercer.

Em 2002, o juiz foi homenageado pela Justiça Federal no Paraná. O prédio, no bairro Ahú, em Curitiba, recebeu o nome do ilustre paranaense: “Foro Federal Manoel de Oliveira Franco Sobrinho”.

Juiz será homenageado pelo STJ (Instituto Manoel de O. Franco Sobrinho)

Serviço
Cerimônia em homenagem ao Jubileu de Ouro da nomeação dos primeiros juízes federais no Brasil
Dia: 7 de agosto, às 14 horas
Local: Conselho da Justiça Federal, em Brasília