Obsessão pelo corpo ideal será discutida no Congresso EndoSul 2017 em Curitiba

Queixas como "quero ganhar massa muscular", "meu filho é muito magro" ou "o pênis do meu filho é muito pequeno" têm sido cada vez mais comuns nos consultórios de endocrinologia

Queixas relacionadas ao diabetes, obesidade, osteoporose, tireoide e menopausa são as mais comuns quando um paciente procura o médico endocrinologista. No entanto, a preocupação com a imagem corporal e a constante busca pelo corpo perfeito vêm contribuindo para mudar essa rotina nos consultórios. Aos profissionais da especialidade sobram desafios sobre os aspectos éticos relacionados à obsessão pela busca de um corpo ideal.

Segundo o endocrinologista Fabiano Sandrini, de Cascavel, queixas como “quero ganhar massa muscular”, “meu filho é muito magro”, “acho que o meu pênis é pequeno” ou “o pênis do meu filho é muito pequeno” têm sido cada vez mais comuns nos consultórios do endocrinologista.

“A forma como enxergamos a própria imagem e o crescente a culto ao corpo vem se tornando uma verdadeira obsessão, principalmente em adolescentes e adultos jovens. Em um tempo onde há uma significativa busca pelo corpo perfeito, até mesmo na infância há uma preocupação dos pais em relação a um ideal corporal a partir das crianças”, aponta o médico, que integra a diretoria da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia – Regional Paraná (SBEM-PR).

Como avaliar o padrão corporal corretamente? Será que é normal? Como investigar? E se for normal, há algo possível para melhorar este padrão corporal? E isso é ético? Quando e como prescrever suplementos? Indicação de testosterona para quem não tem deficiência androgênica e com fins estéticos? Estas serão algumas das questões em debate na oficina teórico-prática “Dilemas de Consultório de Endocrinopediatria – Abordagem do Magro Constitucional e do Micropênis”, que integra a programação da 11ª edição do EndoSul – Congresso de Endocrinologia e Metabologia da Região Sul.

Organizado pela SBEM-PR, o EndoSul 2017 será realizado nos dias 4, 5 e 6, na sede da Associação Médica do Paraná, com a participação de médicos e profissionais de outras áreas da saúde do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

Confira a programação completa de palestras e mais informações no site: http://www.endosul2017.com.br/

Dr. Fabiano Sandrini, da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (Divulgação)

SERVIÇO
Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia – Regional Paraná | SBEM-PR

E-mail: sbempr@endocrino.org.br
Av. República Argentina, 369, cj. 1101, 11º andar,
Água Verde, Curitiba/PR CEP: 80240-210
Fone: (41) 3343-5338
www.sbempr.org.br|  www.facebook.com/sbemparana