Oftalmologistas listam 10 cuidados para a saúde ocular

O dia da saúde ocular é lembrado em 10 de julho

Cuidar dos seus olhos é fundamental para evitar alergias, infecções e até perfurações que possam danificar a sua visão. Por isso, os oftalmologistas Ana Paula Canto e Geraldo Canto, da Clínica Canto, listaram dez atitudes que você deve ter para preservar a sua saúde ocular.

Faça uma consulta anual com o seu oftalmologista
Você não deve deixar para ir ao oftalmologista apenas para saber se está precisando de óculos. A consulta de rotina é fundamental para diagnosticar doenças silenciosas como o glaucoma (que pode levar a cegueira), hipertensão ocular, diabetes, entre outras. Por isso, é fundamental fazer uma visita anual ao seu oftalmologista, pois ele é o profissional mais qualificado para cuidar da sua visão. Nos casos de doenças oculares, essas visitas podem até ser mais frequentes, de acordo com a indicação do médico.

Nunca coce os seus olhos
O ato aparentemente simples de coçar os olhos é prejudicial para os seus olhos. Além de poder machucar, também pode causar deformidades nas córneas – a lente transparente na frente do olho. As pessoas que têm predisposição para o ceratocone devem tomar mais cuidado ainda. Essa doença deixa a curvatura da córnea bicuda e fina e ao coçar os olhos o problema piorar ou ser desencadeado.

Colírios só devem ser usados com orientação médica
Como qualquer outra medicação, cada colírio tem uma indicação específica, contraindicações e efeitos colaterais. Um colírio pode aumentar a pressão intraocular para tratar determinada doença e outro pode ser prejudicial para quem tem pressão arterial. Por isso, é necessário avaliar cada caso no consultório. Então, nada de sair pingando colírio em seus olhos sem orientação médica. É muito perigoso para a sua saúde.

Não use óculos de sol sem proteção adequada
Quando estamos em um lugar escuro nossas pupilas dilatam para tentar deixar entrar mais luz dentro dos olhos. Se você compra um óculos sem a proteção correta contra os raios UVA/UVB, será só uma lente escura e acontecerá o mesmo que acontece com os seus olhos em ambientes escuros, aumentando a exposição dos olhos ao sol. Somente a proteção correta nos óculos evita esse problema e ainda previne o aparecimento de doenças como catarata precoce, tumores oculares, pterígio e degeneração macular relacionada à idade.

Não compartilhe maquiagem
Existem itens pessoais que não compartilhamos, pois podem transmitir doenças. As maquiagens são uma delas. Dividir pincéis, esponjas, rimeis e outras maquiagens usadas nos olhos podem transmitir desde conjuntivites até herpes ocular.

Faça a higienização adequada das suas lentes de contato
Uma lente suja em contato com o seu olho pode causar infecções sérias. Por isso, as lentes de contato devem sempre ser limpas antes e após o uso, mas apenas com os produtos de higiene específicos e com as mãos bem lavadas. Os estojos devem ser trocados a cada três meses. Produtos como soro fisiológico ou água podem estar contaminados e acabam infectando as lentes de contato. Isso pode virar desde uma alergia até uma infecção ocular grave. Cuide sempre e caso sinta desconforto, vermelhidão nos olhos, secreção, lacrimejamento e coceiras, procure o seu oftalmologista.

Descanse os seus olhos
Para quem trabalha com atividades de leitura ou computador, pode realizar pequenos intervalos de descanso que ajudam a relaxar o músculo do olho e evitar o olho seco. Faça assim: a cada 30 minutos, faça uma pausa de 20 segundos e olhe para uma distância mínima de seis metros, ou seja, procure olhar para o horizonte ou o mais longe possível.

Evite mergulhar em rios, piscinas ou mar que pareçam ter água contaminada
A água contaminada em contato com os olhos pode causar desde alergias até conjuntivites. Por isso, evite mergulhar de olhos abertos ou em águas que pareçam inapropriadas. Para quem usa lentes de contato, o cuidado deve ser ainda maior. As lentes contaminadas podem infeccionar a córnea e levar até a um transplante em casos mais graves. Por isso, limpe bem as lentes de contato com produtos adequados depois do uso.

Deixe os ambientes ventilados e as roupas e cobertores limpos
As baixas temperaturas do inverno fazem muitas pessoas não abrirem a casa. Além disso, muitos casacos e cobertores que ficaram meses guardados começam a ser usados sem terem sido lavados. Essas atitudes favorecem a proliferação de poeira, ácaros e vírus, que também prejudicam os olhos. Alergias oculares e alguns tipos de conjuntivite podem ser transmitidos em lugares mal ventilados e mal higienizados. Por isso, sempre deixe o vento entrar e nunca deixe o pó acumular.

Se a sua profissão exige óculos de proteção, nunca deixe de usar!
Muitas profissões exigem o uso de óculos de proteção. E isso é fundamental para evitar acidentes sérios com os seus olhos. Uma lixadeira, por exemplo, pode projetar objetos metálicos pequenos que, se atingirem o olho, pode causar uma perfuração ocular. Produtos químicos também podem causar lesões graves.  Por isso, se a sua profissão exigir, nunca deixe de usar óculos de proteção.

 

Sobre a Clínica Canto
Com mais de 30 anos, a Clínica Canto, de Curitiba (PR), oferece serviços de oftalmologia com médicos especializados, priorizando a qualidade diagnóstica e terapêutica para seus pacientes. Com duas unidades em Curitiba, no Centro e no Seminário, oferece moderna e completa infraestrutura para exames simples ou de alta complexidade e cirurgias oftalmológicas. Mais informações no site www.clinicacanto.com.br.