Torneio Paranaense de Economia desafia estudantes em jogo virtual

O cenário da economia brasileira é bastante desafiador, até mesmo para economistas com grande experiência, devido as altas  taxas de juros e inflação. Mas um jogo virtual promete desafiar acadêmicos de economia do Paraná a utilizarem os seus conhecimentos para solucionarem essas questões, através do 7º Torneio Paranaense de Economia, que será realizado nos dias 27 e 28, de julho de 2017, em Curitiba, na FAE Business School. O evento promovido pelo Conselho Regional de Economia do Paraná (CORECONPR) estimula os estudantes a desenvolverem e aplicarem na prática conceitos que possibilitem a simulação de variáveis macroeconômicas.
Idealizado pelo professor Paulo Henrique Sandroni, da Fundação Getulio Vargas de São Paulo e desenvolvido para a plataforma virtual por Jaime Diaz, o Jogo da Economia Brasileira, simula um problema econômico em que os competidores precisam solucioná-lo através do seu conhecimento, com estratégia e um pouco de sorte. Cada carta do jogo representa uma decisão macroeconômica, que pode ter consequências como aumento da inflação ou recessão.
Torneio Paranaense de Economia, que envolve na disputa uma dupla de estudante por instituição de ensino superior, tem como objetivo estimular estudantes à prática, o desempenho, a competência e a solidez teórica sobre temas distintos da Economia em suas diversas áreas, além de estreitar os lanços entre os estudantes e o Corecon.
A dupla vencedora será classificada para participar da Gincana Nacional de Economia. A premiação total oferecida é de R$ 4 mil, distribuída conforme regulamento, entre três melhores classificadas.  As duplas que ficarem em 2º e 3º lugares serão classificadas para participarem da 2ª Gincana Regional de Economia – Sul, que acontecerá no sábado, dia 29.
Serviço: 7º Torneio Paranaense de Economia
Data: 27 e 28 de julho de 2017, das 9h às 18h.
Local: FAE Business School (Rua Visconde de Guarapuava, 3263, Centro, Curitiba, Paraná).
Mais informações: www.coreconpr.gov.br