Foz do Iguaçu investe no Meeting Brasil 2017 para promover destino na América do Sul

Foz do Iguaçu se consolida cada vez mais como um dos principais polos turísticos do país. Os números indicam que a Terra das Cataratas é um dos destinos preferidos por turistas estrangeiros em busca de lazer, negócios e eventos, conforme o Ministério do Turismo. A grande procura do exterior pelo destino estimulou a Gestão Integrada de Foz a investir no Meeting Brasil ? Rodada de Negócios, que acontece no mês de agosto em diversas cidades sul-americanas.

Só o Parque Nacional do Iguaçu, um dos destaques turísticos de Foz do Iguaçu, no Paraná, recebeu mais de 1,5 milhão de turistas em 2016, de acordo com números do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), órgão ambiental do governo brasileiro. Desses, 47,5% eram estrangeiros. A expectativa é que o recorde seja batido em 2017, principalmente em razão do crescimento de 15% no movimento durante o semestre.

No evento, promovido pela Expan Mais, liderada por Jair Pasquini, serão destacadas as belezas naturais, mas principalmente a estrutura turística do destino. ?Nossa proposta é apresentar as novidades em infraestrutura e ofertas de serviços turísticos, além de reforçar a imagem de um destino com muitas atrações, organizado e com uma relação excelente no custo-benefício da hotelaria?, comenta o secretário de Turismo, Indústria, Comércio e Projetos Estratégicos de Foz do Iguaçu, Gilmar Piolla.

Entre os principais atrativos da cidade estão o Parque Nacional do Iguaçu, tombado como Patrimônio Natural da Humanidade pela UNESCO, as Cataratas do Iguaçu, o Complexo Turístico de Itaipu, o Marco das Três Fronteiras, o Parque das Aves, com 16 hectares de mata nativa, entre outras. Foz do Iguaçu possui ainda um amplo parque hoteleiro, com aproximadamente 28 mil leitos, gastronomia, serviços de apoio e espaços para a realização dos mais variados eventos.

Todas as atrações serão apresentadas pelos representantes da cidade no Meeting Brasil 2017, que acontece nas cidades de Córdoba (15/08) e Buenos Aires (17/08), na Argentina, Lima, no Peru (22/08) e Bogotá, na Colômbia (24/08). Os eventos serão realizados em hotéis de destaque nas regiões centrais de cada uma das sedes.

 

Vizinhos

A Argentina, que faz fronteira com a cidade, é a maior emissora de turistas estrangeiros. O objetivo é manter esse forte laço com os vizinhos e conquistar também os mercados peruano e colombiano.?Peru e Colômbia frequentemente figuram entre os 20 maiores emissores de turistas para nossa cidade?, avaliou Piolla.  hatsur@maxpressmail.com.br