IBAPE-PR promove curso de desapropriação e servidão

Nesta sexta-feira e sábado (dias 4 e 5 de agosto), o Instituto Brasileiro de Avaliações e Perícias de Engenharia do Paraná (Ibape-PR) realizará o curso “Desapropriação e Servidão”, ministrado pelo engenheiro e perito judicial José Tarcísio Doubek Lopes, na sede do IEP (Instituto de Engenharia do Paraná), em Curitiba. Engenheiros e arquitetos interessados poderão se inscrever até dia 28 de julho pelo e-mail ibapepr@ibapepr.org.br.

O curso tem por objetivo transmitir a profissionais que atuam com avaliações de imóveis a correta elaboração de um laudo e a forma de como cobrar pelos serviços. Além disso, as aulas apresentarão definições, normas, critérios e procedimentos para o cálculo de indenização devida, em virtude da instituição de servidão em imóveis.

O engenheiro José Tarcísio Doubek Lopes é formado pela Universidade de São Paulo, com pós-graduação em engenharia de avaliações pelo Ibape/SP/Unisanta. Atua como avaliador, assistente técnico e perito judicial. Foi presidente do Ibape/SP e diretor Ibape/Nacional. É membro titular e da diretoria e Comissões do Ibape/SP, e ocupa o cargo de secretário da UPAV – Unión Panamericana de Asociaciones de Valuación.

Serviço

Curso “Desapropriação e Servidão”, ministrado pelo engenheiro Doubek Lopes

Data: 4 e 5 de agosto (das 8h às 17h30)

Local: IEP – Instituto de Engenharia do Paraná (Rua Emiliano Perneta,

174 – 11° andar), Centro, Curitiba-PR

Inscrições: até 28 de julho pelo email ibapepr@ibapepr.org.br.

Investimento: até 28 de julho – associados ao Ibape-PR e registrados no CREA-PR (R$ 400,00) e não associados (R$ 500,00); após 28 de julho – associados e registrados no CREA-PR (R$ 460,00) e não associado (R$

575,00)

Informações: www.ibapepr.org.br – (41) 3225-1167 ou (41) 99993-8163

Realização: IBAPE–PR – Instituto Brasileiro de Avaliações e Perícias de Engenharia do Paraná Sobre o IBAPE-PR – O Instituto Brasileiro de Avaliações e Perícias de Engenharia do Paraná é uma entidade filiada ao IBAPE Nacional, formada por engenheiros das diversas modalidades, arquitetos e agrônomos que atuam nas áreas de avaliações e perícias de engenharia. Tem por objetivo difundir informações e avanços técnicos, defender interesses profissionais e morais da classe, promover cursos de formação básica e avançada e organizar seminários com finalidades de congraçamento, intercâmbio e reciclagem.