“O Herói Provisório” de Etel Frota será lançado nesta quarta-feira, na Livraria da Vila

O primeiro romance da paranaense já foi apresentado na Flip 2017 e na Caravana Literária Biblioteca Pública do Paraná

A escritora paranaense Etel Frota lança nesta quarta-feira (30), seu primeiro romance pela Travessa dos Editores. “O Herói Provisório” tem como pano de fundo um episódio que ocorreu em 1850, quando os canhões da Fortaleza de Nossa Senhora dos Prazeres, na Ilha do Mel, abriram fogo contra um cruzador inglês, que rebocava três navios brasileiros, supostamente negreiros. A sessão de autógrafos acontece das 19 horas às 21h30, na Livraria da Vila, no Pátio Batel, em Curitiba.

Com narrativa ambientada em Paranaguá (PR), com passagens pelo Rio de Janeiro, Cunha (SP) e Lisboa (Portugal), “O Herói Provisório” traz na capa, criada pela designer Clarissa Menini, a imagem da cabeça decepada de Mercúrio, fotografada por Alan Romero, no convento de São Domingos de Benfica, em Lisboa. A editoração da obra é Adriana Sydor.

Caravana Literária

Na segunda-feira (28) e na terça-feira (29), Etel Frota fez a apresentação do livro na Caravana Literária Biblioteca Pública do Paraná, em Terra Rica e Paranavaí, respectivamente. O evento promove até 23 de setembro a visita de 15 escritores a bibliotecas de 30 municípios paranaenses para falarem sobre suas obras e temas ligados ao universo literário. A Caravana Literária conta ainda com a participação dos escritores Adriana Sydor, Thiago Tizzot,  Nelson de Oliveira e Luiz Ruffato, dentre outros.

Em Terra Rica, a escritora falou sobre o livro na praça central da cidade, “em uma deliciosa tarde de calor. Tinha uma árvore da qual brotavam poemas meus. Tinha ipê florido. Teve pôr-do-sol. Pela primeira vez na vida tive a felicidade de ter um público que era maior do que o número de cadeiras. Popstar”, lembra. Para o público, Etel falou sobre sua história, família e memórias. Compartilhou com os presentes suas preferências literárias e letras de músicas que escreveu. Na volta, ela trouxe na bagagem os livros “Vale do Paranapanema – Sonhos de uma Terra Rica”, de Edson Paulo Calírio, e “Minha vida, minha terra, minha gente”, de Mauro Martins. “Foi, sobretudo, uma tarde de trocas”, avalia.

A apresentação de Etel foi prestigiada pelo secretário da Cultura de Terra Rica, Alexsander Bruno Medeiros, da vice-prefeita Ana Marta da Silva Salomão, e do prefeito Júlio César da Silva Leite.

A autora

Etel Frota nasceu em 1952, em Cornélio Procópio (PR), e desde 1980 vive em Curitiba. Licenciada em Ciências e formada em medicina, desde 1998, trabalha exclusivamente como escritora: poeta, roteirista, letrista, com algumas incursões na dramaturgia. Várias indicações e premiações em importantes prêmios de música e teatro.

Em 2002 lançou “Artigo Oitavo”, livro+CD de poesia escrita, falada e cantada, com prefácio de Thiago de Mello e produção musical de Rodolfo Stroeter. Sua produção como letrista abrange uma enorme gama de gêneros e parcerias musicais – Iso Fischer, Rosi Greca, Zé Rodrix, Grupo Viola Quebrada, entre dezenas de outros. Uma significativa parte dessa produção de canções está reunida no livro virtual “Lyricas – a construção da canção”, lançado em janeiro de 2007.

Desde 2009, vem trabalhando como letrista em parcerias internacionais com os suecos Miriam Aïda, Måns Mernsten e Mats Ingvarsson, e com o finlandês Simo Naapuri. Importantes intérpretes da cena paranaense e brasileira têm gravado suas canções – Nasi, Ana Cascardo, Maria Bethânia, entre muitos outros. Destaque para o CD “Flor de Dor – Tao do Trio canta Etel Frota”, lançado em 2016. Por este trabalho, a letrista recebeu o ‘Prêmio Grão de Música 2016’, e o grupo vocal curitibano foi indicado ao 28º Prêmio da Música Brasileira.

Etel é colaboradora da Folha de S. Paulo.

Seu livro “Artigo oitavo – poesia escrita, falada e cantada” inspirou o roteiro da peça “Penélope Pelo Avesso”, da companhia curitibana Comparsaria Cênica, que acabou de cumprir sua terceira temporada em Curitiba. Recentemente, publicou três poesias na antologia “Blasfêmeas: Mulheres de Palavra” (Editora Casa Verde), com mais 63 escritoras brasileiras da cena contemporânea.

Etel Frota fala de seu romance em Terra Rica – Foto: Divulgação

Serviço

Lançamento de “O Herói Provisório”, de Etel Frota

Editora: Travessa dos Editores

Dia: quarta-feira (30), das 19 horas às 21h30

Local: Livraria da Vila, no Pátio Batel (Av. do Batel, 1868 – 314)

www.oheroiprovisorio.com.br

www.facebook.com/etel.frota

www.etelfrota.com.br/