Arquitetura contemporânea renova paisagem urbana de Curitiba

Empreendimentos como o BW Residence, da San Remo, transformam o cenário da capital paranaense, reforçando caráter vanguardista que marca a trajetória da cidade

 

Cidade reconhecida pela aptidão para conciliar o tradicional com um caráter vanguardista que também faz parte de seu DNA, Curitiba também vem passando por uma perceptível transformação em sua paisagem urbana, apresentando propostas de edifícios de arquitetura moderna e conceito inovador, em termos globais. O BW Residence, da Construtora San Remo, com projeto arquitetônico assinado pelo escritório Baggio Schiavon Arquitetura e interiores com assinatura do arquiteto Jayme Bernardo, é um exemplo desta nova face.

Localizado no coração do bairro Batel, na Rua Bento Viana, esquina com a Avenida Visconde de Guarapuava, o novo empreendimento residencial, com entrega prevista para 2018, contará com uma única torre, com 16 apartamentos (15 unidades tipo e uma cobertura duplex) com duas opções de plantas. Elegante e moderno, o edifício apresenta um luxuoso acabamento e seu nome faz referência ao jogo entre o preto (black) e o branco (white), cores que predominam na fachada em estilo contemporâneo, feita em vidro e granito. “Nosso portfólio destaca uma engenharia de luxo, que se envolve naturalmente com design. Tomamos o cuidado para que o resultado fosse atemporal e ao mesmo tempo inovador”, assinala a diretora de marketing da Construtora San Remo, Aline Moritz Perussolo Soares.

 

Luxo Contemporâneo

Na arquitetura, o estilo contemporâneo vem se caracterizando por um traço que tende a linhas arrojadas, com adoção de materiais de referência industrial e em comunicação frequente com elementos da arquitetura modernista. O resultado são fachadas mais limpas, extremamente elegantes. E, também, acolhedoras e funcionais. “Sem dúvidas, Curitiba vem integrando rapidamente as transformações e temos percebido o crescente interesse do curitibano por empreendimentos que conjugam os novos conceitos construtivos, desde linhas arquitetônicas mais arrojadas até a preocupação com indicadores de sustentabilidade”, nota o arquiteto Jayme Bernardo. “O público curitibano tem um perfil extremamente exigente e articulado, e vem se mostrando cada vez mais receptivo aos conceitos contemporâneos, tanto na arquitetura quanto nos espaços internos.”

 

No projeto de interiores do BW Residence, por exemplo, o arquiteto revela que o moderno dá o tom. “É muito gratificante consolidar nossa parceria com a San Remo atuando em mais um projeto de sucesso. O BW traduz com muita elegância e sofisticação a tão desejada qualidade de vida, em ambientes singulares onde confrontamos o moderno com o eclético, esta é nossa linha no projeto de interiores do novo residencial”, conta.

 

Reconhecido pelo traço arrojado, o escritório Baggio Schiavon assina o projeto arquitetônico do BW. “Curitiba sempre foi uma cidade de vanguarda. Existem belíssimos exemplos de arquitetura modernista dos anos 1960. O interesse pela arquitetura moderna está no DNA do curitibano, por isso grande parte dos nossos edifícios são projetados nesse estilo”, explica o arquiteto Manuel Baggio. Para ele, essa arquitetura de traço mais contemporâneo que passa a fazer parte da paisagem se harmoniza com uma outra característica da cena urbana da cidade: o estilo clássico. “O clássico no design e na arquitetura sempre despertou admiração, talvez por nos dar a sensação de algo perpétuo. O clássico e o moderno são contrastantes em seus estilos e não brigam entre si, mas sim, muitas vezes, um complementa o outro”, observa.

 

No projeto arquitetônico do BW Residence, marco na sua avaliação deste novo momento da cidade, a modernidade está presente em todos os aspectos, da fachada às áreas comuns e privativas. “Embora a San Remo atualmente tenha um grande destaque por suas obras clássicas, traz ao longo de sua história a realização de belíssimas obras de arquitetura moderna, que a consolidam como uma empresa visionária”, aponta.

 

Nova Arquitetura

                Para Manuel Baggio, a capital paranaense acompanha a trajetória mundial. “Assim como as principais cidades do mundo, Curitiba caminha para uma paisagem urbana cada vez mais moderna e futurista”, visualiza. “Procuramos projetar um edifício que possa ser admirado hoje e por gerações futuras.”

 

Expoente do traço contemporâneo, também o arquiteto Jorge Elmor identifica este novo momento da paisagem urbana curitibana. “A arquitetura contemporânea representa o período atual, posterior ao modernismo, que teve origem no Brasil com o movimento artístico da década de 1920. Ela compreende o período pós década de 1990 e não possui uma linguagem única”, define. “Caracteriza-se pela busca de soluções voltadas à questão do conforto ambiental, aliado aos processos de racionalização da construção, visando a uma arquitetura cada vez mais sustentável.”

 

Tudo isso, conforme Elmor, também se reflete na proposta conceitual. “Há um crescimento da busca por uma arquitetura mais contemporânea, com uma linguagem mais racional e minimalista, mantendo o equilíbrio e a harmonia dos espaços e elementos”, indica.

 

Tais características se apresentam em interação com o entorno e com a própria dinâmica urbana, também em transformação. “O comportamento das pessoas nas cidades vem mostrando a necessidade de adequações a novas formas urbanas. A mobilidade com diferentes tipos de transporte, como trens de superfície ou até mesmo uma ampliação eficaz da rede de ciclovias, afirmando as bicicletas como meio de transporte e não de lazer, é uma tendência”, ressalta. “Uma maior oferta de espaços públicos e democráticos, os usos compartilhados [dos espaços e recursos diversos] e a descentralização das funções, visando ao menor deslocamento entre atividades, também são algumas das diretrizes que as cidades contemporâneas vêm implementando em seu planejamento”, aponta.

 

Sobre a Construtora San Remo

Especializada na construção de edifícios residenciais e comerciais de luxo, a Construtora San Remo consolida-se como uma das empresas mais conceituadas no mercado da construção civil em Curitiba. Fundada em novembro de 1981, a empresa destaca-se por oferecer obras de altíssimo padrão, com acabamento superior e atenção a cada detalhe. À frente dos empreendimentos está o engenheiro João Carlos Perussolo.