Aluno do curso de Engenharia de Produção da Facens fica em primeiro lugar no 7º Concurso Nacional de Simulação – Simula Brasil 2017

Simulador de um parque de diversão superou outros projetos desenvolvidos por estudantes de curso superior, empresas e pessoas físicas de todo o Brasil

 Aluno e professor orientador ganharam curso avançado de Modelagem e Simulação no valor de R$5.470

Pelo segundo ano consecutivo, um aluno da Facens venceu o Concurso Nacional de Simulação – Simula Brasil, com um projeto que simula um parque de diversão, desenvolvido a partir do software Promodel. Thiago Henrique Brisoti está no segundo ano do curso de Engenharia de Produção e contou com a orientação do professor e mestre Rodrigo Luiz Gigante.

O Simula Brasil é promovido pela ABEPRO – Associação Brasileira de Engenharia de Produção e pela Belge Brasil, instituição que representa grandes empresas mundiais em tecnologias de simulação, otimização e planejamento, com patrocínio da empresa norte-americana Promodel Corporation.

“Criamos situações que podem acontecer dentro de diferentes espaços no parque, como o controle do número de vezes que um brinquedo é utilizado, qual o espaço recebe o maior fluxo de pessoas e quais os brinquedos que devem receber manutenção primeiro”, conta o aluno da Facens. Segundo ele, trata-se de um projeto básico para que os gestores do parque tenham acesso às informações que podem ajudar a manter o espaço mais seguro, por exemplo. “Existe a possibilidade de gerar gráficos que ajudam nesse controle. Foi uma grande honra ganhar esse prêmio, competir em nível nacional com tantos outros bons projetos. Estou muito motivado”, diz.

O aluno e o professor vencedores receberam um curso avançado de Modelagem e Simulação, no valor de R$5.470 (cada), oferecido pela Belge Consultoria. A entrega do prêmio aconteceu na XXXVII Edição do ENEGEP, evento organizado pela ABEPRO para discutir questões pertinentes à Engenharia de Produção.

Sobre a Facens: Criada há mais 40 anos, a Facens é uma das mais reconhecidas faculdades de Engenharia do País, com foco na formação do engenheiro cidadão e um índice de 93%* de formandos inseridos no mercado de trabalho (*média dos últimos 10 anos). Atualmente oferece 11 cursos de graduação, sendo 9 de Engenharia (Mecânica, da Computação, Química, Elétrica, Mecatrônica, Civil, de Alimentos, de Produção e Agronômica), um curso de Tecnologia em Jogos Digitais e, em 2018, inicia a formação também de profissionais de Arquitetura e Urbanismo. Também tem 22 cursos de pós-graduação e especialização. Em seu campus com 100.000 m², em Sorocaba, mais de 4.000 alunos contam com um corpo docente composto por mestres, doutores e especialistas, salas de aulas modernas e mais de 50 laboratórios especializados.

Na área de inovação, a Facens conta com o FACE (Facens Centro de Empreendedorismo), o LIS (Laboratório de Inovação Social), o LIGA (Laboratório de Inovação em Games e Apps), o LINCE (Laboratório de Inovação e Competições de Engenharia), o Fab Lab (primeiro do interior do Brasil, pertencente à rede mundial de laboratórios de fabricação digital criada pelo M.I.T) e o Smart Campus (laboratório vivo para soluções em cidades inteligentes, premiado pela ABMES e GS-1 no Brasil e na Smart Cities UK Expo).