Maior ação voluntária e efetiva da história da oftalmologia em Curitiba

Os últimos detalhes estão sendo providenciados hoje (10.11) na Unidade de Saúde Ouvidor Pardinho, para que aconteça amanhã (11.10) a maior ação voluntária da história da oftalmologia na capital paranaense, o evento ‘Retina do Bem’. Um mutirão, das 8h às 17h,  que vai reunir 40 médicos oftalmologistas e mais de 100 voluntários, em uma estrutura com capacidade para atender cerca de 5.000 pacientes portadores de diabetes e proporcioná-los o tratamento adequado.

O projeto é uma iniciativa inédita realizada pela Oftalmo Curitiba, sem fins lucrativos, que tem como objetivo principal realizar, gratuitamente, exames de Fundo de Olho, Retinografia Digital e Fotocoagulação a Laser em pacientes portadores de Diabetes com indicação para tal, além de conscientizar a população sobre a gravidade da Diabetes, com palestras, monitoramento da glicemia e medidas terapêuticas.

A ação pretende zerar a fila de espera do SUS de pacientes que aguardam exames de diagnóstico da Retinopatia Diabética, uma das principais causas da cegueira no mundo. De acordo com o oftalmologista especialista em Retina e Vítreo e um dos responsáveis pela ação. Dr. João Guilherme Oliveira de Moraes, o evento não se resume somente a este dia em específico. Após o evento, os pacientes que necessitarem de tratamento contínuo, bem como exames complementares ou até mesmo cirurgias de retina, catarata e glaucoma, serão encaminhados à clínica, hospital de referência nesta área. “O diferencial deste mutirão é que o mesmo não pretende somente diagnosticar, mas também oferecer o tratamento necessário. Os pacientes com quadros mais graves da doença, por exemplo, serão encaminhados ao serviço cirúrgico, dando seguimento ao tratamento adequado e imediato, evitando, dessa forma, o avanço da doença”, afirma Moraes.

No mundo todo, o mês de novembro é marcado por uma série de atividades em prol da Diabetes, que já atinge mais de 400 milhões de pessoas, causando mais de 5 milhões de mortes anuais. Muitos pacientes portadores de diabetes não sabem sobre as complicações causadas pela doença, entre elas, a Retinopatia Diabética – uma das principais causas de cegueira em pessoas jovens em todo o mundo. Como a doença tem rápida evolução, o diagnóstico e tratamento precoces são fundamentais para a preservação da visão e qualidade de vida dos pacientes.

 

Como vai funcionar

Pacientes diabéticos do sistema de saúde pública, previamente cadastrados na fila da Oftalmologia, serão convocados pelos órgãos competentes a participar da ação. Eles receberão a guia de agendamento, por meio da sua unidade de saúde, com o horário de atendimento. Os pacientes serão avaliados e, se necessário, realizarão exame de Mapeamento de Retina e Retinografia Digital, que podem diagnosticar a Retinopatia Diabética e, nos casos e que o paciente já possui diagnóstico positivo, será realizada a Fotocoagulação a Laser, se assim for indicado. Todos os exames e consultas realizadas no dia 11/11 serão gratuitos e não serão cobrados pelo sistema público de saúde. Pacientes com quadros mais graves da doença serão encaminhados ao serviço cirúrgico, dando seguimento ao tratamento após as medidas iniciais. Além dos pacientes previamente convocados, haverá orientação às pessoas que comparecerem espontaneamente ao evento.

 

SERVIÇO

RETINA DO BEM 2017

Horário: 8h às 17h

Local: Unidade de Saúde Ouvidor Pardinho

Endereço: Rua 24 de maio S/N – Rebouças

Responsável Técnico: João Guilherme Moraes (CRM: 16712)

Site: www.retinadobem.com.br

imprensa@lojadenoticias.com.br