PROGRAMAÇÃO EM VILA VELHA

O Parque Estadual de Vila Velha, em Ponta Grossa, retorna à programação normal de atendimento aos visitantes após programação de verão. Quem for ao parque sem agendamento pode fazer a contratação do guia no local. Nesse caso, o valor do guia poderá ser compartilhado entre os demais visitantes que estiverem no local no momento. Os ingressos custam R$ 10 para Arenitos e R$ 8 para Lagoa Dourada e Furnas, além do valor cobrado diretamente pelo guia.

 

 

CLÁSSICO MUNDIAL

O Balé Teatro Guaíra  está trabalhando em uma releitura de O Lago dos Cisnes, considerada uma das peças mais marcantes do balé clássico mundial, que será apresentada com a Orquestra Sinfônica do Paraná de 27 a 30 de junho. Para o coreógrafo Luiz Fernando Bongiovanni, a ideia de revisitar essa obra é presentear a plateia que comparece às apresentações.

 

 

HISTÓRIAS DO PARANÁ

O Museu Paranaense, localizado na capital, lançou recentemente cinco livros das coleções Teses do Museu Paranaense e Histórias do Paraná. As obras estão disponíveis gratuitamente para download em formato pdf no site do museu. Outros cinco títulos anteriores da coleção Histórias do Paraná também estão disponíveis no mesmo formato. http://www.museuparanaense.pr.gov.br/

 

 

AGRO EM PAUTA

Maringá sedia o Encontro Técnico Avícola, de 24 a 26 de julho no espaço Vivaro. O evento terá programação de palestras e debates, com a presença de especialistas, além de área comercial, em que empresas ligadas ao setor estarão expondo seus produtos, serviços e promovendo relacionamento como público estimado em cerca de 800 participantes.

 

 

NO SUDOESTE

O turismo no município de Sulina, sudeste paranaense, ganha força a cada temporada, movimentando significativamente a economia local.  Emancipado em 1987, é baseada na agricultura e atividades de bovinocultura de leite, no entanto, o turismo proporcionado pelo Thermas de Sulina, vem atraindo centenas de pessoas que buscam momentos de descanso e diversão.

 

 

BARRA DO PALMITAL

Quem viajar para o sul do estado não deve deixar de visitar a colônia Barra do Palmital, localizada a 20 quilômetros do centro de União da Vitória. A colônia abriga a Cachoeira do Rio Tigre, onde um alagado forma o Lago Foz do Areia, no qual é permitido saltar, bem como praticar outros esportes náuticos e pescaria. O rio é raso e a água é cristalina. O acesso se dá através de uma ponte na parte superior da queda.

 

MÚSICA CLÁSSICA

A Orquestra Sinfônica do Paraná fará a primeira apresentação de 2018 neste domingo, 25, às 10h30, no Guairão em Curitiba. Sob regência do maestro titular Stefan Geiger, o programa traz Peter Grimes: Quatro interlúdios marítimos, op. 33ª (Benjamin Britten), Concerto para violoncelo e orquestra em mi menor, op.85 (Edward Elgar) violoncelo solo: Tanja Tetzlaff, Variações sobre um tema original “Enigma”.

 

 

FESTA HAVAIANA

Acontece em Foz do Iguaçu, o Luau do Kattamaram II, nos dias 3 de março, 7 de abril e 5 de maio. Segundo a coluna de Turismo do jornal Diário & Comércio, assinada pelo jornalista Júlio Zaruch, o luau será realizado em uma embarcação que navega pelas águas dos rios Paraná e Iguaçu, passando por pontos turísticos de Foz do Iguaçu e arredores. A bordo é organizada uma festa temática com música, bufê livre e distribuição de colares havaianos.

 

TURISMO DE AVENTURA

Guarapuava, no centro do Paraná, sedia o 1º Festival de Verão que segue até 10 de março. Vários eventos nos segmentos de turismo de aventura e ecoturismo vão invadir a cidade. Entre os destaques estão os mais de 11 quilômetros de trilhas abertas na área rural que servirá de pista para a prática de motocrosss e jipe 4x4. O evento é uma boa pedida para quem gosta de velocidade e aventura.

 

 

TEATRO DE COMÉDIA

A peça de teatro Hoje é Dia de Rock, produção do Teatro de Comédia do Paraná, parte para uma temporada em mais oito cidades do Estado. No dia 25 de março, às 20h, estarão em Cascavel no Teatro Municipal Sefrin Filho. Ainda fazem parte da turnê as cidades de Ponta Grossa, Apucarana, Londrina,Toledo e Foz do Iguaçu.

 

 

UNIVERSO LITERÁRIO

A Biblioteca Pública do Paraná em Curitiba promove em 27 de fevereiro o lançamento do livro ComoVer, que apresenta uma retrospectiva do universo artístico de Luiz Carlos Rettamozo. Na ocasião, o contador de histórias Carlos Daitschman fará uma leitura dramática, com direção cênica de Mateus Rettamozo. Também será apresentado o recital do poema Uyba Yeté, de Tonicato Miranda. O evento tem início às 17h, no Hall Térreo da BPP. A entrada é gratuita.

abnoticias@abcom.com.br

Talvez você se interesse por estes artigos.

RIO PARANÁ Acontece em Porto Rico, a Festa dos Navegantes entre 31 de agosto e 2 de setembro. A festividade será realizada ás margens do Rio...
TÚNEL DO TEMPO Cerca de 10 mil imagens de Londrina, originais da década de 1980, serão digitalizadas e disponibilizadas para consulta no Museu Histórico Pe....
ARTE EM FOCO A Biblioteca Pública Municipal Pedro Viriato Parigot de Souza em Londrina, recebe, até o dia 17 de agosto, duas exposições. Uma delas...
Fechar Menu